Maceió


Pagamento do prêmio Eris Maximiano é retomado

A quitação das premiações será feita gradualmente até o mês de abril;

A Fundação Municipal de Ação Cultural de Maceió (FMAC) reiniciou no último dia 9 de janeiro o pagamento referente aos editais culturais vencedores do prêmio Eris Maximiano. A quitação das premiações será feita gradualmente até o mês de abril, finalizando as pendências financeiras do município com os participantes da seleção pública.

O presidente da FMAC, Vinícius Palmeira, explica serão pagos cerca de R$1 milhão e 200 mil para as instituições e pessoas jurídicas que tiveram seus projetos culturais aprovados no edital. Em 2016, a FMAC já tinha efetuado o pagamento de outros R$ 600 mil.

“A suspensão do pagamento no ano passado se deu pela retração econômica e pela crise financeira pela qual passa o município de Maceió, assim como todo o País. No entanto, mantivemos firmes no esforço para quitação deste prêmio, que é de grande importância para cena cultural de Maceió”, declarou o presidente.

Palmeira destacou ainda que o lançamento de editais para projetos culturais democratiza o acesso aos recursos públicos e promove também maior profissionalização da classe artística, tendo em vista a necessidade de aprimoramento dos projetos para disputar uma colocação na qualificada concorrência local.

“Consideramos que a política de editais é a mais justa e acaba com práticas antigas dos apadrinhamentos. Gostaria de aproveitar para nos desculpar com a classe artística pela demora, mas a crise financeira foi imperativa. Mas, o importante é que retomamos os pagamentos, que serão concluídos em abril”, finalizou.

A escassez de recursos públicos e ausência de patrocinadores privados também provocou a suspensão da edição 2017 do já consagrado festival Maceió Verão, que estava previsto para ocorrer entre janeiro e fevereiro.

Prêmio Eris Maximiano

O prêmio Eris Maximiano selecionou propostas de produção, difusão, circulação, manutenção e capacitação no campo das expressões artísticas e culturais reconhecidas e praticadas na Cidade de Maceió, de acordo com os 18 segmentos representados no Conselho Municipal de Políticas Culturais. São eles  Artes Cênicas (Teatro, Dança e Circo); Arquivos, Patrimônio Material, Imaterial e Museus; Design, Moda e Artesanato; Música; Livro, Leitura e Literatura; Cultura Afro-brasileira; Cultura Popular; Artes Visuais, Arte Digital e Fotografia.

Fonte: Prefeitura de Maceió

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>