Polícia


Morte de Radialista no Sertão está esclarecida, diz polícia

DivulgaçãoRadialista Jota Ferreira

Radialista Jota Ferreira

O delegado Gilson Melo, titular do 35° DP (Distrito Policial) de Olho D´água das Flores, informou na manhã desta sexta-feira (19), que a morte do radialista Josevânio Ferreira está esclarecida. Ele foi executado a tiros na noite no dia 10 de maio deste ano, dentro do seu veículo.

Lembre o caso: Radialista é assassinado a tiros quando chegava em casa no Sertão

De acordo com as investigações, Wellington Barbosa de Melo, de 20 anos foi o autor dos disparos. O crime teria sido motivado por uma discussão no trânsito, onde a vítima teria ameaçado de morte o autor. O acusado, que já tem passagem por tráfico de drogas, agora vai responder por homicídio qualificado.

“Jota Ferreira”, como era conhecido o radialista, tinha 43 anos e foi morto quando chegava à sua residência, no Conjunto Manoel Floriano, periferia de Olho D’Água das Flores, Sertão de Alagoas, após sair de seu sítio. O locutor era muito conhecido na região e apresentava o programa dominical “Nos bares da vida”, numa emissora local.

Wellington, que estava foragido, deve se apresentar para prestar depoimento na delegacia de Olho D’Água das Flores, na próxima terça-feira, dia 23.

O delegado Gilson Melo disse que a investigação teve apoio do delegado-geral da Polícia Civil, Paulo Cerqueira, e do gerente de Polícia Judiciária da Região 4 (GPJR 4), delegado Cícero Lima.


Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>