Celebridades


Zeca Pagodinho recebe alta após acidente: ‘Está na companhia da família’

Em comunicado, representante do artista informou que nenhum problema foi constatado com os exames realizados

DivulgaçãoZeca Pagodinho

Zeca Pagodinho

Zeca Pagodinho já está em casa se recuperando do acidente de quadriciclo sofrido nesta sexta-feira (14), em Xerém, no município de Duque de Caxias, no Rio. De acordo com o comunicado divulgado por representantes do sambista, ele recebeu alta por volta das 8h e está na companhia da família.

‘Não constataram nenhum tipo de problema’, afirma nota
O informe continua: “Todos os exames de rotina foram realizados e não constataram nenhum tipo de problema. Zeca, hoje, fica de repouso em sua residência, mas no dia 22 de julho apresenta o show “Ser Humano”, na Ribalta (Barra da Tijuca/RJ)”. Os representantes do cantor ainda agradeceram a atenção dos seguidores: “Nosso agradecimentos para as milhares de mensagens que recebemos de apoio e carinho dos amigos e fãs”.

Zeca Pagodinho responde jovem de forma ríspida na TV
Durante participação no “Altas Horas”, Zeca Pagodinho foi questionado por um jovem da plateia sobre a diferença entre pagode, samba e partido-alto. “Que pergunta antiga”, disse o cantor, fã declarado de Ludmilla. “Olha, que tipo de samba você está falando? Tem samba-enredo, samba de partido-alto, samba de roda…”, continuou. “E qual a diferença?”, insistiu o menino. “A diferença é que você tem que fazer o samba, né? Você vai cantar um partido-alto e não será a mesma coisa que o samba-enredo”, devolveu o cantor. O rapaz insistiu na pergunta e ouviu uma resposta atravessada: “Poxa, cara, é tão difícil de perceber? E tem que perguntar isso para mim? Vai na avenida que você vai ver o samba-enredo, vai para o morro que você verá o partido-alto e vai para o pagode que você verá o samba de roda”, afirmou. “Entendi. Então, a diferença está no local onde ficam as pessoas?”, ironizou o rapaz. “Mas é claro. Não sou eu quem vai te ensinar isso, não”, disse o sambista, encerrando a conversa.

Sambista é inocentado em caso de fraude: ‘não toco no que não é meu’
No fim do ano passado, Zeca Pagodinho comemorou sua inocência no processo em que havia sido condenado por fraude, em dezembro de 2015. O cantor foi acusado depois que observaram irregularidades na 15ª Expoagro, realizada em Brasília. O Ministério Público havia afirmado que houve superfaturamento na contração do artista. “Tem uma coisa que o meu pai me ensinou: nunca tocar no que não é meu. E eu não toco. Isso tudo aconteceu porque tinha gente querendo ganhar fama com esta história”, comemorou ele, que afirmou que não iria processar ninguém: “Já gastei bastante com advogado e nunca mais vou ver este dinheiro. Agora é bola pra frente”.

Fonte: Purepeople

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>