Zona da Mata


Dupla acusada de matar bombeiro civil em bar é levada a júri popular

A Palavra/Cortesiabombeiro civil

Dois homens acusados de matar um bombeiro civil vão a júri popular nesta quarta-feira (13), na 8ª Vara Criminal da Capital, no Fórum do Barro Duro.

O crime, ocorrido em abril de 2014 na cidade de Murici, foi noticiado pelo Alagoas 24 Horas. O bombeiro estava em um bar, no Conjunto Pedro Tenório Raposo, na companhia de dois amigos que, após uma discussão, resolveram deflagrar vários tiros contra a vítima.

Saiba mais: Bombeiro civil é assassinado a tiros em Murici

José Humberto Gonçalves de Oliveira, de 35 anos, conhecido como “Coelho”, foi morto com três disparos na cabeça. A promotoria levanta a tese de que Erick Jones Tenório de Deus e Everton da Silva Ferreira, os amigos da vítima, teriam ficado assustados com uma ameaça de morte feita por José Humberto. As investigações apontam ainda que a vítima estava armada e queria se vingar após descobrir um suposto atentado que Erick Jones teria cometido contra um sobrinho de Coelho.

Além dos dois envolvidos, uma terceira pessoa também teria participado do crime, mas como na época era menor de idade, agora não faz mais parte desse processo.


Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>