Política


Audiência pública discute alternativas para diminuir os números de trotes em Alagoas

Dicom CMMAudiência pública discute alternativas para diminuir os números de trotes em Alagoas

Audiência pública discute alternativas para diminuir os números de trotes em Alagoas

O ritmo de audiências públicas com o objetivo de discutir temas relevantes para o maceioense, além da prestação de serviços segue acelerado na Câmara Municipal de vereadores. Está marcado para a próxima segunda-feira (25) encontro para debater o alarmante número de trotes recebidos por Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). A audiência é de iniciativa do vereador Francisco Sales (PPL) e surgiu após encontro do parlamentar, ainda nessa a semana passada, com o secretário de Segurança Pública, coronel Lima Júnior, quando as autoridades discutiram sobre violência no Bairro do Bebedouro.

Ainda na audiência, o vereador deve lançar a campanha educativa ‘Trote não é legal’ como mais uma ferramenta no combate às ligações falsas que são feitas diariamente na capital e no estado de Alagoas, visando conscientizar a população sobre os prejuízos que o trate traz para todos. Para se ter ideia, segundo o Samu, somente no primeiro semestre deste ano, das 240.878 chamadas recebidas, 156.782 foram trotes. O percentual, ainda conforme o serviço, é de 65%.

Também conforme entidade de urgência, 70% dessas ligações são detectadas e interrompidas, mas nos outros 30% as viaturas chegam a ser deslocadas para a suposta ocorrência. Os autores dos trotes em geral são crianças, que aproveitam o período de intervalo da escola para realizar as chamadas.

“Os números são alarmantes e é preciso que a gente aprofunde ainda mais a discussão sobre o assunto, para que possamos fazer com que a sociedade entenda o prejuízo que é realizar um trote para órgãos que salvam vidas como Samu, Bombeiros e PM. Por conta disso, e depois de uma conversa com o secretário de segurança Lima Júnior que reclamou da dificuldade que enfrenta com os trotes, resolvi realizar a audiência pública para contribuir”, destacou Francisco Sales.

Fonte: Dicom CMM

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>