Cultura


Curta-metragem independente retrata realidade de surfistas alagoanos

"Meninos do Francês" está disponível em plataforma digital gratuita

Reprodução / "Os meninos do Francês"Curta-metragem independente retrata realidade de surfistas alagoanos

Curta-metragem independente retrata realidade de surfistas alagoanos

Um filme que conta um pouco da história de quatro jovens surfistas da Praia do Francês, em Alagoas foi lançado há quatro dias em uma plataforma digital gratuita. Com produção independente, o curta-metragem de 15 minutos tem como ideia principal transmitir ao espectador a importância do esporte na construção social dos jovens em geral.

Dirigido por Duda Bertho e com orientação da jornalista e professora Janayna Ávila, tem  como protagonistas os surfistas Caio Bernardes, Erick Santos, Felipe Ielson e Wellington Reis, que contam como começaram a surfar e as dificuldades enfrentadas para vivenciar a realidade do esporte.

Reprodução / "Os meninos do Francês"Curta-metragem independente retrata realidade de surfistas alagoanos

Curta-metragem independente retrata realidade de surfistas alagoanos

Mesclando imagens dos meninos no mar, com depoimentos dos protagonistas, parceiros e familiares, o documentário mostra de forma despretensiosa e emocionante como o surfe, como qualquer outro esporte, pode apontar novos caminhos para uma realidade social desprivilegiada.

Confira o filme aqui:

Meninos do Francês – Documentário Completo from Duda Bertho on Vimeo.

Ficha técnica

Meninos do Francês

Dirigido e captado por Duda Bertho
Som direto: Filipe Mariz
Orientação: Janayna Ávila
Assistência: Homero Neto e Saulo Magno
Protagonistas: Caio Bernardes, Erick Santos, Felipe Ielson e Wellington Reis
Trilha sonora por Loving – All Rights Reserved


1 Comentário

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>