Segurança


Seis pessoas são presas acusadas de abastecer o tráfico de drogas na capital

SSP/AL1

Seis pessoas foram presas acusadas de integrarem uma organização criminosa responsável pelo abastecimento do tráfico de drogas em Maceió. Foram cumpridos 18 mandados, entre prisão e busca e apreensão, expedidos pela 17ª Vara Criminal da Capital e foram cumpridos na Grota do Aterro, no bairro do Barro Duro.

SSP/AL2

Na versão da assessoria da Secretaria de Segurança Pública, o grupo é suspeito de realizar a distribuição das drogas em Maceió. Eles também são acusados de roubos e homicídios e as prisões foram deflagradas por agentes das polícias Civil e Militar.

A quadrilha seria liderada, segundo a SSP, por Rafael Henrique da Silva, conhecido como IEL, Caraca ou Embaré. Integrava a quadrilha – e foram presos durante a operação – Alex de Araújo Soares, conhecido como Massara ou Tejo, José Erivaldo Temoteo da Silva, vulgo Tarta ou Tatu, Mateus Lucena da Silva, Tiago dos Santos Martins, o Guinho, e Rodrigo Weslley da Silva Santos, vulgo Pé.

É da SSP a informação de que teria sido apreendido com Alex de Araújo 200 gramas de maconha e uma pistola calibre 380, com 18 munições.

Por meio de nota, o delegado Gustavo Henrique, coordenador da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico, destacou que teria sido apreendido 12 kg de maconha e 1,6 kg de crack pertecente a quadrilha. Esse material estaria escondido na Grota do Novo Mundo.

 


Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>