Interior


Presidente da Arsal visita pontos de embarque e desembarque em Arapiraca

Ascom/ArsalTerminal em Arapiraca

Terminal em Arapiraca

Conhecer a estrutura da sede da Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de Alagoas (Arsal) em Arapiraca e de pontos de embarque e desembarque do transporte rodoviário intermunicipal de passageiros na cidade foi um dos propósitos da visita feita pelo novo presidente do órgão regulador, Lailson Gomes, ao município do Agreste durante este fim de semana.

Acompanhado de servidores da Agência e de transportadores da região, Lailson Gomes percorreu vário pontos, enquanto ouvia e registrava as reivindicações dos motoristas complementares. Ele garantiu que, uma a uma, todas serão analisadas.

Os complementares, entre eles o presidente da Coopervan, Marcondes Prudente, agradeceram a presença do presidente da Arsal no município e solicitaram que ele voltasse outras vezes à região, onde atuam cerca de 450 permissionários licitados. Juntamente com a capital e a grande Maceió, trata-se da área do Estado com maior demanda pelo serviço de transporte rodoviário intermunicipal convencional e complementar.

Lailson Gomes também aproveitou a visita para conceder entrevistas a rádios locais, reforçando o compromisso de sua gestão em discutir as demandas relacionadas aos serviços públicos regulados, sempre com foco em atender as necessidades dos usuários e consumidores.

Ele destacou ainda que, para que a Arsal possa agir em todas as frentes, é importante que os usuários e consumidores registrem suas solicitações, reclamações ou denúncias na Ouvidoria, por meio do telefone de discagem gratuita, 0800-284-0429; pessoalmente, na sede da Agência, no Centro de Maceió; ou por meio da página eletrônica www.arsal.al.gov.br.

Fonte: Ascom/Arsal

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>