Perícias de crimes de Informática do Instituto de Criminalística de Alagoas recebe novo equipamento

Investimento de 112 mil reais permitirá realizar exames em vestígios digitais com mais eficiência

Ascom Poalpoal 041

A Chefia de Perícias de Crimes de Informática do Instituto de Criminalística (IC) de Alagoas acaba de receber uma nova estação forense de última geração. O equipamento será utilizado para realização de exames periciais de investigações que apuram crimes de homicídios, crimes contra a criança e o adolescente, fraudes bancárias, lavagem de dinheiro, tráfico de drogas, organizações criminosas, etc.

O chefe do setor, perito criminal Wellington Melo, explicou que o equipamento é um servidor de alto desempenho, que proporcionará aos peritos mais eficiência em etapas dos exames. Com os devidos softwares forenses instalados na unidade será possível processar e analisar vestígios digitais deixados em dispositivos de informática que possuam relação com a prática de crimes.

Nova servidor Wellington

“Com esta nova ferramenta a equipe de peritos do setor conseguirá coletar e processar dados em menos tempo, visto que a máquina possui o dobro de processadores e de memória quando comparada a melhor estação forense até então utilizado no IC, ou seja, com uma máquina robusta é possível reduzir o tempo de algumas etapas dos exames, e, por conseguinte, de entrega de laudos”, afirma o perito Wellington Melo.

Avaliado em mais de R$ 112 mil, a estação forense foi adquirida através de um acordo firmado entre o Governo do Estado e a Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP), que prevê a modernização dos órgãos de perícia criminal de todo o país. De acordo com a perita criminal Rosana Coutinho, gestora do convênio, essa é mais uma conquista do IC alagoano no combate à criminalidade.

Fonte: Ascom Poal

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações