PC prende dupla envolvida em grupo de extermínio que atua em Alagoas

O delegado do caso não descarta a participação de policiais no Grupo de Extermínio

Fillipe Lima / Alagoas 24 Horas

Policiais Civis da Divisão Especial de Investigação e Capturas (DEIC), coordenados pelo Delegado Fábio Costa, prenderam Josemar Araújo Ferreira, vulgo “Mazinho”, de 44 anos, e Anderson Nicholas da Silva Lessa, 35 anos, suspeitos de integrar um suposto grupo de extermínio que atuava nas cidades de Teotônio Vilela e Coruripe. Segundo a polícia, tais grupos teriam sido responsáveis por duas chacinas em março e maio deste ano, que vitimou oito pessoas.

O delegado Fábio Costa informou que as prisões foram efetuadas ontem e hoje (11), em cumprimento a mandado expedido pela juíza Renata Malafaia, titular da comarca de Teotônio Vilela. A Polícia investiga que as vítimas desse grupo de extermínio seriam pessoas suspeitas de cometer pequeno delitos, além de usuários de drogas da região.

Uma pessoa está sendo procurada pela polícia civil. Trata-se de Ronaldo dos Santos Bispo que foragiu de Coruripe e seria um dos líderes do grupo criminoso. O delegado acrescenta que há outras pessoas envolvidas, inclusive a pessoa que seria a responsável por ordenar as mortes. As diligências continuam e não está descartada a possibilidade de haver policiais envolvidos nos crimes.

“Estamos há cerca de quatro meses apoiando os trabalhos investigativos na circunscrição destes municípios por ordem do Secretário Lima Júnior e Delegado geral Paulo Cerqueira. Não podemos e não vamos dar tranquilidade aos criminosos. Vamos prender e tirar de circulação todos os envolvidos e devolver a paz à sociedade independente de quem esteja praticando ou ordenando os crimes”, frisou o delegado, em nota enviada à imprensa.

Josemar foi preso em Maceió e Nicholas foi preso em Coruripe. Outras prisões devem ser concretizadas durante os desdobramentos da operação.

A população pode ajudar a polícia com informações sobre esse grupo criminoso, ligando anonimamente para o Disque-denúncia: 181.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *