Três são presos por tráfico de drogas durante ações distintas da PM em Maceió

Reprodução / Cortesia

Droga apreendida no bairro do Feitosa

Três jovens foram presos suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas neste sábado (22), em Maceió. As prisões acontecerem em ações distintas da PM nos bairros Feitosa, Jacintinho e Cidade Universitária.

O primeiro caso foi registrado na parte alta da capital, quando, no final da tarde, Adriano da Silva, de 24 anos, foi flagrado com 21 pedrinhas de crack e 750 gramas de maconha, além da quantia de R$218, 00 em dinheiro. Ele já tem passagem por homicídio qualificado e tinha um mandado em aberto por tráfico de entorpecentes.

Pouco tempo depois, no bairro do Feitosa, Luiz Fernando Fernandes Bonfim, de 30 anos, foi pego com 900 gramas de maconha, em uma casa de um residencial, após populares acionarem os militares para atender a ocorrência de perturbação do sossego.

A droga foi encontrada em cima da mesa e outros três homens que estavam no local, foram ouvidos como testemunhas do crime.

Reprodução / Cortesia

Material apreendido com jovem no Jacintinho

Por fim, Anderson Bruno Lima Rocha, de 18 anos, foi encontrado próximo ao mercado público do Jacintinho em posse de 780 gramas de maconha, embalados em pedaços em plástico filme.

Ele foi avistado pelos policiais e tentou fugir ao perceber a aproximação. Ele teria ainda jogado a sacola onde o material estava em um campo, mas foi interceptado.

As prisões foram realizadas, respectivamente, por militares do Batalhão de Radiopatrulha (BPRP), Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) e Batalhão de Polícia de Eventos (BPE).

Os três suspeitos foram conduzidos para a Central de Flagrantes I, no bairro do Farol, e autuados por tráfico de entorpecentes.

Veja Mais

1 comentário

  • vpl says:

    O caus está instalado no Brasil as cabeças pensantes das justiça, quando acataram a retirada das degacias nos bairros. a ausência de policiais nos bairros fez os filhos de satanás crescerem cada dia mais e mais e para total destruição a justiça dar aos presos regalias com direitos a salário quando presos isto se não os soltam antes de cumprirem o tempo de preso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações