A um mês do Enem, estudantes buscam cursos de revisão

Participantes recorrem a aulões e turmas intensivas para rever conteúdos

A aplicação das provas do primeiro dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 será em 04 de novembro e, na ocasião, serão respondidas questões de Linguagens, Ciências Humanas além de haver a elaboração da redação. Falta aproximadamente 30 dias para a edição deste ano e, após meses de estudo, é neste momento que a busca de turmas de revisão presenciais é intensificada.

Entre os estudantes que estão intensificando a rotina de estudos na reta final está Victória Virna da Silva Ferreira, de 17 anos, que iniciou há poucos dias as aulas de revisão, no curso pré-Enem. “Começamos nesta segunda-feira a rever os conteúdos. O cursinho tem me ajudado a melhorar a preparação porque direciona os estudos, me dá mais noção do que pode ser abordado”, destaca.

Esta não é a primeira vez que Victória será participante do exame: nas duas primeiras vezes, se inscreveu como “treineira”, mas nesta edição fará o exame “para valer”, como sinalizou. “Quero participar do SiSU [Sistema de Seleção Unificada] e buscar aprovação em um curso de Nutrição”, planeja. Por ainda estar no último ano do ensino médio, Ferreira assiste às aulas de revisão pela manhã e revisa os assuntos à tarde. À noite, vai para o colégio.

Além do curso da estudante, diversos outros iniciaram o período de revisão no início desta semana. “Neste período, todos os nossos alunos podem frequentar as aulas de qualquer turno. É uma etapa que contribui muito, pois o estudante vai praticar por meio de exercícios tudo aquilo que aprendeu durante o ano inteiro ou no período do curso intensivo, além de poder tirar dúvidas específicas com os professores”, sinaliza a equipe do curso Os Aprovados, instituição parceira do Educa Mais Brasil que aponta ter aprovação de cerca de 80% em processos seletivos.

Aulões

Outro formato bastante procurado pelos estudantes é o chamado “aulão” de revisão que, em geral, é realizado na véspera da prova ou no final de semana anterior à aplicação do exame. “É o último momento em que vemos o conteúdo antes da prova, então acho muito válido participar. Os assuntos são abordados de forma rápida e objetiva, o que ajuda a lembrar dos pontos importantes”, sinaliza Camilo Meirelles Carvalho Santana, que fará o exame pela segunda vez.

No ano passado, o aulão começou no período de manhã cedo, às 7h30, e acabou apenas à noite, às 18h30. “É, literalmente, uma maratona em que precisamos vencer a nós mesmos, mas vale muito à pena” relembra Santana. A meta do estudante é conseguir uma nota do Enem que permita a aprovação no curso de Engenharia Elétrica. Por já ter feito curso extensivo em 2017, optou por uma turma intensiva no segundo semestre deste ano. “Consegui aproveitar módulos e apostilas, mas também busquei aulas complementares na internet. Hoje em dia, tem muito material de qualidade disponível gratuitamente para quem procura”, comenta.

Revisão online

Em geral os cursos são ofertados de forma presencial mas também há a possibilidade de fazer revisões online. No caso do Me Salva!, a Revisão Enem 2018 é ofertada na modalidade EAD com a disponibilização de videoaulas, exercícios e acesso aos resumos; correções ilimitadas de redação, monitorias de estudo diárias e simulados corrigidos com base no método TRI (Teoria de Resposta ao Item), adotado pelo Enem.

Outro curso online é ofertado pelo EAD Qualify. Embora não haja aulas específicas para os dias anteriores às provas, o material fica disponível 24 horas durante todo o ano. “O estudante já tem acesso à revisão de conteúdo por área do conhecimento (aulas contextualizadas) e revisão prática baseada em exercícios”, sinaliza a organização. O acesso aos materiais é feito por meio do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), que também dispõe de videoaulas além de livros e apostilas em formato PDF.

Fonte: Ascom Educa Mais

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *