‘Satanás’ é condenado a 14 anos de prisão por morte de vizinho

Réu teria espancado o vizinho com golpes de pedaço de madeira, em sua residência, quando este estava bêbado

Thaynara Monteiro

Réu foi interrogado pelo juiz John Silas da Silva, durante julgamento nesta quinta (11)

Felipe Douglas Castro da Silva, conhecido como ‘Satanás’, foi condenado nesta quinta-feira, 11, a 14 anos e três meses de prisão, pelo Conselho de Sentença do 2º Tribunal do Júri de Maceió pela morte de José Hilton Firmino da Silva, ocorrida em 2015, na Capital.

Os jurados acolheram a tese da acusação – de que a vítima estava alcoolizada no momento da morte e que teria o costume de consumir bebidas alcoólicas constantemente, e o réu se aproveitava da situação para roubá-lo – e condenaram o réu por homicídio qualificado. A pena deverá ser cumprida em regime inicialmente fechado. José Hilton era vizinho de Felipe.

Lembre o Caso: Preso jovem que espancou vizinho até a morte

De acordo com o Ministério Público, o réu sem nenhum motivo aparente, desferiu golpes na cabeça da vítima com um pedaço de madeira. O crime ocorreu após desentendimento entre ambos. Em depoimento, Felipe da Silva negou envolvimento com o homicídio.

O julgamento aconteceu  no auditório do Centro Universitário Maurício de Nassau (Uninassau), no bairro do Farol e foi conduzido pelo juiz John Silas da Silva, titular da 8ª Vara Criminal de Maceió.

Matéria referente ao processo nº 0714615-95.2015.8.02.0001

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações