Acusado de sequestrar motorista de aplicativo para cometer assalto é preso pela Deic

Deic

Uma pessoa acusada de sequestrar um motorista de por aplicativo para cometer assaltos foi preso no Village Campestre, em Maceió, nesta quinta-feira, 18, durante uma operação da Divisão Especial de Investigações e Capturas da Polícia Civil. O acusado já vinha sendo investigado, inclusive ele tinha foragido de uma operação que resultou na morte de um comparsa.

O delegado Fábio Costa, coordenador da Deic e responsável pelas investigações, divulgou um vídeo da operação que resultou na prisão de Kaio Rodrigues Barbosa, 27 anos. Segundo o delegado, ele é de alta periculosidade e é investigado pelos crimes de sequestro, constrangimento ilegal, roubo qualificado e tentativa de homicídio.

O acusado é monitorado por tornozeleira eletrônica mas, de acordo com o delegado, não o impedia de cometer assaltos. “De acordo com as investigações ele deixava a tornozeleira descarregar e dessa forma saía para cometer crimes sem ser vigiado pelo sistema prisional”, disse o delegado.

É do delegado a informação de que o acusado teria sequestrado um motorista por aplicativo de transporte de passageiros para cometer assaltos. As informações dão conta que a vítima teria procurado a Deic para denunciar o caso.

“Por morar próximo ao motorista do aplicativo, o acusado abordou a vítima mais uma vez no dia 27 de setembro e sob a mira de uma arma de fogo obrigou o motorista a dirigir o veículo para iniciar mais uma sequência de assaltos. Nessa ocasião, o motorista conseguiu enviar mensagem de texto para policiais da Deic e também sua localização em tempo real”, destacou o delegado.

Ainda de acordo com o delegado, o veículo foi interceptado no Loteamento Colina II, no bairro do Clima Bom, e durante a abordagem os ocupantes do veículo teriam efetuados disparos de arma de fogo. Na ocasião, Kaio teria conseguido fugir, mas um dos ocupantes do veículo, identificado como Renildo Delmiro foi alvejado. Ele ainda foi socorrido e veio a óbito no Hospital Geral do Estado.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações