Acusados de matar PM em Penedo serão julgados nesta quarta

Reprodução / Montagem

O policial militar Laércio Santos Lira foi morto em agosto de 2016.

Dando continuidade ao Mês Nacional do Júri, 11 julgamentos foram pautados pelo Tribunal de Justiça de Alagoas para esta quarta-feira (7), em Maceió e no interior. A força-tarefa, promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ocorre em parceria com o Ministério Público, Defensoria Pública e os órgãos de segurança do Estado, durante o mês de novembro.

Em Penedo, os réus Jadson Batista Soares Santos e Leandro dos Santos, acusados de envolvimento na morte do policial militar Laércio Santos Lira em agosto de 2016, irão a júri popular às 8h. A sessão será conduzida pelo juiz da 4ª Vara da Comarca, Antônio Rafael Wanderley Casado da Silva.

Segundo a denúncia, a vítima foi atingida por vários disparos de arma de fogo. O crime teria sido encomendado por Jadson Batista. O réu achava que o PM Laércio Santos, que estava na reserva, denunciava para outros policiais e dificultava o tráfico de drogas da região.

Testemunhas afirmam que Jadson Batista morava perto da vítima e tinha várias desavenças com ela. Segundo os depoimentos, um dos atritos entre o réu e o PM foi devido a uma apreensão da moto do acusado, feita por Laércio durante uma blitz dois anos antes do crime.

Leia Também: Acusados de matar sargento são apresentados pela Segurança Pública

O segundo acusado, Leandro dos Santos, é apontado como um dos executores por ter efetuado os disparos. O homem que pilotava a moto na noite do crime morreu no dia seguinte, durante um confronto com a polícia.

O Mês do Júri vai até o dia 30 de novembro, com 150 processos pautados, todos envolvendo crimes contra a vida.

Matéria referente ao processo nº 0000570-46.2016.8.02.0049

Fonte: Dicom / TJ-AL

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *