Ex-CSA e ASA, Everton Heleno é condenado a sete anos e seis meses de prisão

Reprodução

Everton Heleno

O jogador Everton Heleno, de 28 anos, foi condenado a sete anos e seis meses de prisão, por crime de roubo, com prática de violência, pela 2ª vara criminal da comarca de Camaragibe, interior de Pernambuco, em decisão assinada pela  juíza Roberta Vasconcelos Franco Rafael Nogueira.

O meio-campista, que acumula passagens por times importantes, inclusive os alagoanos CSA e ASA, foi preso em agosto deste ano. No inquérito policial, Heleno é acusado, junto com o amigo, também condenado, Leandro José das Chagas, de cometer assaltos na região metropolitana do Recife. Vítimas dos crimes teriam reconhecido a dupla. Eles já cumprem pena no Centro de Triagem conhecido como Cotel, em Abreu e Lima.

Leia Também: Everton Heleno, ex-CSA, é preso durante operação acusado de roubo de celular

A prisão do Everton foi concedida inicialmente em regime semiaberto (liberdade durante o dia e prisão à noite) e haverá a detração, que é a diminuição da pena levando em conta o tempo que se encontra recolhido.

À época do crime, a família do jogador alegou que ele havia sido confundido com outra pessoa e agora a defesa do atleta diz que vai recorrer da decisão, já que o processo forense ainda não foi finalizado.

Everton jogou em clubes como Sport, Santa Cruz, Atlético-GO, e este ano defendeu o Botafogo-PB até o mês de junho. Em 2017, ele foi eleito o craque do Campeonato Alagoano.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações