Homem é preso suspeito de estrangular ex-mulher até a morte

TV TEM/Reproduçã

Inconformado com o fim do relacionamento, um homem é suspeito de estrangular a ex-mulher até a morte, dentro do apartamento da vítima, no bairro São Manoel, em São José do Rio Preto, interior de São Paulo. O corpo da enfermeira Juliana Landin Simão, 37 anos, foi encontrado nessa sexta-feira (18).

Juliana só foi achada porque não foi trabalhar ontem. Ao arrombarem a porta, descobriram que ela estava morta. A vítima foi encontrada amordaçada e amarrada. O carro dela foi levado pelo suspeito do crime, Cícero Gomes Lima, que foi preso horas depois, em Buíque, no Agreste de Pernambuco.

“A supervisora dela me disse que ela não foi trabalhar há vários dias, liguei para minha família e disse para irem até a casa dela e estourar a porta. Eles arrebentaram e encontraram o corpo”, contou, em entrevista à TV TEM, Fabiana Landin Lopes, irmã de Juliana.

De acordo com familiares da enfermeira, Cícero se passou pela ex durante conversas com pelo WhatsApp para tentar esconder o desaparecimento dela. “A gente entrava em contato com ela, ligava e ela não atendia, eu insistia e a resposta que dava para mim e para mãe era pelo WhatsApp. O telefone dela estava com ele. Acho que era ele que respondia por ela”, afirmou a irmã.

Fonte: Notícias ao Minuto

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações