Acusado de matar amigo a pauladas em Arapiraca deve ir a júri popular

O juiz Alberto de Almeida, da 8ª Vara Criminal de Arapiraca, determinou que Jailson Santos da Silva, acusado de assassinar o amigo Valdir da Conceição após discussão, em março de 2018, seja levado a júri popular. A decisão de pronúncia foi publicada no Diário da Justiça Eletrônico nesta terça-feira (22).

De acordo com os autos, a vítima Valdir da Conceição passou a tarde bebendo com o réu, no bairro Bom Sucesso, em Arapiraca. Em determinado momento, eles se desentenderam e trocaram insultos, sem que houvesse agressão física.

Ainda segundo a denúncia do Ministério Público, por volta das 18h, ao perceber que a vítima estava dormindo sob efeito de álcool numa banca de feira, o réu desferiu várias pauladas em sua cabeça. Em depoimento, o Jailson Santos confessou o crime e disse estar arrependido. Afirmou ainda que, no dia do fato, estava recém-operado e teria sido agredido pela vítima.

O réu será julgado por homicídio qualificado por motivo torpe e mediante recurso que dificultou ou tornou impossível a defesa da vítima. A data do julgamento não foi definida.

Matéria referente ao processo nº 0701318-39.2018.8.02.0058

Fonte: Dicom/TJ

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações