Presidente da Câmara debate com taxistas regulamentação de transporte por aplicativos

Ascom Câmara

Uma comissão de taxistas ouviu do presidente da Câmara Municipal de Maceió, Kelmann Vieira (PSDB), em encontro realizado no início da noite desta quarta-feira (20), que a Casa fará um esforço concentrado para que o projeto que regulamenta o transporte individual de passageiros por aplicativos na capital alagoana seja apreciado pelo Legislativo municipal até a próxima quinta-feira (28), antes, portanto, do Carnaval. Além de Kelmann Vieira, estiveram presentes à reunião os vereadores Samyr Malta (PSDC), Silvania Barbosa (PRTB), Lobão (PR) e Ana Hora (PSD). O grupo dos taxistas foi representado pelo presidente do Sindicato dos Taxistas de Alagoas (Sintaxi), Ubiraci Correia.

“Foi uma reunião bastante proveitosa que tivemos aqui com os vereadores, liderados pelo presidente Kelmann Vieira. Esta Casa sempre foi parceira da categoria, que hoje vive momentos difíceis com a chegada, sem regulamentação, do transporte individual de passageiros por aplicativos. Recorremos à Câmara para que possamos, ainda, discutir alguns pontos do projeto que regulamenta o serviço, porque, do jeito que está a situação, a profissão de taxista pode ser extinta em breve”, destacou Ubiraci Correia. Segundo ele que um dos grandes problemas que eles enfrentam é a concorrência com os motoristas de aplicativos.

“Pela nossa legislação, Maceió só pode ter em torno de três mil taxistas, enquanto que circulam em nossa capital mais de 18 mil carros por aplicativos, e essa é uma concorrência bastante desleal”, afirmou o presidente do Sintaxi.

Comprometido com a causa da categoria, Kelmann Vieira garantiu aos taxistas que irá conversar com os demais vereadores para que o projeto enviado pelo Executivo e que regulamenta a questão – hoje na Comissão Permanente de Constituição e Justiça da Câmara – seja votado até o fim da semana que antecede o Carnaval.

“Reunimo-nos hoje com os taxistas, ouvimos algumas demandas deles e nos comprometemos em colocar o projeto para avaliação até a semana que vem. Para isso, vale salientar, vou conversar com os demais parlamentares para que possamos fazer um esforço conjunto nesse sentido. Por outro lado, também vamos conversar aqui na Casa os motoristas de aplicativos para também conhecermos suas demandas e assim, possamos deliberar sobre a matéria com equilíbrio e conhecimento necessários”, destacou Kelmann Vieira.

Fonte: Ascom Câmara

Veja Mais

1 comentário

  • Fabrício holanda says:

    mas só q existe muito taxista irregular em Alagoas e tem q ter uma fiscalização mas ostensiva por tanto eles falam q tem 3.000 taxistas mas só q existe muito mais q o dobro um absurdo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações