Vereadora defende inclusão social e oportunidade de trabalho para pessoas com Down

Silvania Barbosa tratou do tema em alusão ao Dia Internacional da Síndrome de Down, celebrado nesta quinta (21).

Dicom / CMM

Sessão ordinária de 21/03/2019

Em celebração ao Dia Internacional da Síndrome de Down, a vereadora Silvania Barbosa (PRTB) trouxe ao Plenário da Câmara de Vereadores, nesta quinta-feira (21), a necessidade de inclusão social de pessoas com Down. Ela enfatizou que a data tem o objetivo de encorajar o debate da participação de pessoas com a síndrome na sociedade e que cabe a todos compreender as limitações e também a capacidade psíquica e emocional de quem tem a síndrome.

A vereadora exibiu um vídeo produzido pela Coordown em 2014, oficialmente reconhecido pelas Nações Unidas para a promoção dos direitos das pessoas com síndrome de Down, mas que foi censurado pelo Conselho Superior de Audiovisual para a transmissão na TV francesa, que considerou o vídeo “inapropriado”, porque a expressão de alegria dos jovens era “suscetível a perturbar a consciência das mulheres que tinham feito, legalmente, escolhas pessoais diferentes”.

Dicom /CMM

Sessão ordinária de 21/03/2019

“Ao contrário do que muitas pessoas imaginam a SD não é uma doença e sim um distúrbio genético que produz alterações congênitas. Temos discutido muito sobre a inclusão das mulheres em todas as camadas da sociedade, mas a verdade é que precisamos defender todas as minorias e garantir o espaço de todos no convívio social. Somente no Brasil, temos mais de 200 mil pessoas com Down. Precisamos superar preconceitos e construir uma comunidade mais justa e igualitária. Meu desejo é sensibilizar os pais de pessoas que possuem a síndrome e dizer a eles que não tenham medo, que permitam que seus filhos sigam sua própria trilha, que eles tenham a chance de acertar ou de errar e aprender com os erros, que eles possam se arriscar e sentir a vida mais de perto”, declarou a parlamentar, que cobrou igual sensibilidade do Poder Público e da iniciativa privada, para que abram portas no mercado de trabalho a pessoas com Down.

Fonte: Dicom/CMM

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações