Corpo encontrado a 5 metros de profundidade em Brumadinho era de técnico em manutenção da Vale

O corpo encontrado pelos bombeiros nesta sexta-feira (5) em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, é de Evandro Luiz dos Santos, de 50 anos. Os restos mortais estavam a cerca de cinco metros de profundidade na lama.

Ele trabalhava como técnico em manutenção de máquinas pesadas da mineradora Vale. Deixa esposa e duas filhas. Segundo a família, Evandro Luiz dos Santos sempre foi dedicado ao trabalho. Ele faria aniversário no dia 10 de julho.

Agora já são 248 as mortes confirmadas. Outras 22 pessoas continuam desaparecidas. A Defesa Civil de Minas Gerais ainda não atualizou o balanço.

De acordo com os bombeiros, o corpo foi achado em uma área chamada “Remanso 2”, que fica abaixo da área administrativa da mina Córrego do Feijão. Esta área fica ao lado da “Remanso 1”, onde outro corpo foi encontrado nesta quinta-feira (4). Esta vítima foi identificada como Carlos Roberto Pereira, de 62 anos. O corpo dele estava parcialmente preservado e foi identificado pela arcada dentária.

O Corpo de Bombeiros afirmou que o corpo foi encontrado pelo trabalho de inteligência da corporação, que usou um cruzamento de dados para definir locais de busca mais prioritários. Mais de 90% das vítimas já foram localizadas.

“Durante esses mais de cinco meses nós temos processado as informações. Tudo é levado a conhecimento da nossa equipe de planejamento e o resultado disso é que, revolvendo menos de 10% desses 10,5 milhões de m² de rejeito, a gente já tenha conseguido atingir essa marca superior a 91% de localização”, disse o tenente Pedro Aihara nesta quinta-feira (14).

Fonte: G1

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações