Homem é preso acusado de mandar matar o sobrinho para roubar barbearia

Reprodução/Google

Feirinha do Tabuleiro

Cinco meses após o assassinato do barbeiro Ramiro Ferreira de Carvalho Neto, 28 anos, ocorrido no bairro do Tabuleiro do Martins, a Polícia Civil chegou à autoria do crime. A investigação da Delegacia Especializada de Roubos da Capital (Derc) aponta que o  tio da vítima foi responsável por sua morte.

Wanderlan Cipriano da Silva, 36 anos, foi preso após cumprimento de mandado de prisão, na última sexta-feira (12). Ele foi ouvido pela equipe da Delega Maria Angelita e ficará à disposição da justiça.

O assassinato ocorreu durante um assalto, em sua barbearia, em fevereiro deste ano. À época, os criminosos anunciaram o assalto e testemunhas disseram que a vítima reagiu e foi baleada. Ramiro chegou a ser encaminhado ao Mini Pronto-Socorro do Tabuleiro, mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com informações da Delegacia de Roubos, Wanderlan estava preso pelos crimes de tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo e havia acabado de receber uma alvará de soltura quando a DERC chegou para cumprir mais um mandado de prisão, desta vez do crime de latrocínio que vitimou seu próprio sobrinho.

A equipe da delegada Angelita vai continuar as investigações para tentar localizar outro acusado do mesmo crime.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações