Alagoano fica com medalha de prata no Parapan

CPB

O atletismo do Brasil fechou com chave de ouro a sua participação nos Jogos Parapan-Americanos de Lima nesta quarta-feira. Com 19 medalhas no último dia da modalidade, os atletas brasileiros ajudaram o país a ficar ainda mais tranquilo do quadro geral.

Foram oito ouros, seis pratas e cinco bronzes nesta quarta. Além de tudo, seis atletas brasileiros obtiveram quebra de recordes Parapan-Americanos com Fabricio Barros nos 100m T12, Petrúcio Ferreira nos 100m T47, Vitor de Jesus nos 200m T37, Wallace de Oliveira no arremesso de peso F55, Alessandro Silva no arremesso de peso F11 e Raissa Rocha Machado no lançamento de dardo F56.

Um dos destaques do dia foi a dobradinha envolvendo Petrúcio Ferreira e Yohansson Nascimento nos 100m T47, para amputados de braço. O paraibano Petrúcio cruzou a linha de chagada na frente, com o tempo de 10s59, seguido pelo alagoano Yohansson, que completou a prova em 11s03.

No total, a equipe brasileira no atletismo fechou a sua participação no Parapan de Lima com impressionantes 82 medalhas, sendo 33 de ouro, 26 de prata e 23 de bronze.

No quadro geral de medalhas, o Brasil aparece em primeiro lugar com 75 ouros, 62 pratas e 56 bronzes, totalizando 193 medalhas. Em seguida, aparecem Estados Unidos com 136 medalhas (49 ouros, 44 pratas e 43 bronzes) e México com 108 (37 ouros, 37 pratas e 34 bronzes).

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações