PC prende jovens e apreende menor suspeitos de matar homem com transtornos mentais

Ascom/PC

Cisp de Murici

O delegado da cidade de Murici, Sidney Tenório, prendeu nesta quinta-feira, 5, dois jovens e apreendeu um menor, suspeitos de envolvimento no assassinato de Jailson Ferreira da Silva, conhecido por “Jal”, de 26 anos, que sofria de transtornos mentais. O crime ocorreu em 17 de agosto, deste ano, no bairro Campo Grande, em Murici, motivado por vingança.

Os mandados de prisão preventiva foram expedidos pela juíza Emanuela Porangaba. Foram presos: Edinaldo Correia Jacó, 22 anos, e Eduardo Teodósio da Silva, 18. Além disso, a polícia investiga a participação de um menor de 16 anos, que aguarda ordem de internação.

O delegado explica que Jailson feriu a golpes de tesoura, um menor de 14 anos, que é irmão de um dos acusados, Edinaldo Jacó. Revoltado, ele convocou os outros dois envolvidos para ir à residência de Jal onde o executaram a facadas.

Ainda segundo o delegado, o adolescente ferido a tesouradas foi submetido à cirurgia, mas já recebeu alta médica.

Veja Mais

1 comentário

  • Pedro Neto says:

    Infelizmente, uma simples caneta anula todo trabalho ostensivo e preventivo que a polícia realiza, colocando o criminoso em liberdade pra continuar cometendo delitos.
    A polícia trabalha, a justiça atrapalha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações