Banhistas devem evitar quatro trechos do litoral alagoano

Priscylla Régia/Alagoas 24 Horas

Praia de Japaratinga

O Instituto do Meio Ambiente (IMA) divulgou nesta sexta-feira, 04, o boletim de balneabilidade das praias alagoanas. A grande surpresa do relatório desta semana é a classificação da Praia da Avenida como própria para banho após passar anos sendo apontada como não balneável.

Além da Praia da Avenida, outros 60 trechos estão liberados para banho no litoral alagoano. De acordo com informações do órgão ambiental, apenas quatro pontos foram considerados impróprios para os banhistas. São eles: Rio Niquim, mais ou menos 300 metros da Foz; Praia de Maragogi, em frente à Foz do Rio Salgado; Praia de Maragogi, na foz do Rio Maragogi e Praia de Maragogi, em frente à Foz do Rio Persinunga.

Todas as praias de Maceió foram classificadas como próprias, inclusive a Praia da Avenida. Contudo, apesar da liberação, o  IMA recomenda que banhistas evitem – em qualquer época –  utilizar áreas que estejam diretamente sob influência de floração de algas, principalmente no trechos das praias da Avenida ao Sobral.

Ainda segundo  o IMA, ao todo, os técnicos do IMA colheram amostras de 65 trechos, compreendidos entre as praias de Maragogi e Pontal do Peba. As coletas foram realizadas entre os dias 01 e 02 de outubro quando não houve ocorrência de chuva.

O IMA recomenda que os banhistas evitem entrar no mar ou rio quando observar a presença de resíduos ou despejos capazes de oferecer risco à saúde.

Confira abaixo o relatório de balneabilidade:

IMA
IMA
IMA

 

 

 

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações