CSA bate Avaí, ultrapassa Cruzeiro e chega à 3ª vitória seguida em casa

Francisco Cedrim / RCortez / Ascom CSA

CSA conquistou importante vitória contra o Avaí (Foto: Francisco Cedrim/RCortez/CSA)

Neste domingo (6), CSA e Avaí se enfrentaram no Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL), pelo fechamento da 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, em duelo direto na briga contra o rebaixamento. E o confronto terminou com importante vitória dos mandantes, que chegaram a três triunfos seguidos em casa, pelo placar de 3 a 1. Ricardo Bueno, Jonatan Gómez e Apodi marcaram para o Azulão do Mutange, enquanto Jonathan fez o gol do Leão da Ilha.

Com o resultado, os alagoanos chegaram a 22 pontos e ultrapassaram o Cruzeiro na zona da degola, ocupando a 17ª colocação. O Ceará é o primeiro time fora do Z4 e soma 23 pontos. Os catarinenses, por sua vez, estagnaram nos 16 pontos e estão na vice-lanterna da competição nacional.

Pela próxima rodada, o CSA joga na quarta-feira (9), às 19h15 (de Brasília), quando enfrenta o Internacional novamente no Estádio Rei Pelé. Já o Avaí recebe o Vasco na Ressaca, em Florianópolis (SC), na quinta-feira (10), também às 19h15.

O jogo

Jogando em casa, o CSA iniciou a partida tentando encontrar espaços na defesa do Avaí por meio da troca de passes. E logo aos 13 minutos, o Azulão do Mutange conseguiu tirar o zero do placar. Bustamante recebeu pelo lado esquerdo e cruzou para a área. Ricardo Bueno apareceu na segunda trave e se jogou para balançar as redes.

Em vantagem, a equipe comandada por Argel Fucks seguiu saindo para o jogo. Aos 16 minutos, o camisa 9 azulino quase marcou o segundo após cruzamento de Apodi, mas parou em boa defesa de Vladimir. Aos 29, Jonatan Gómez recebeu livre na área e encheu o pé, exigindo mais uma grande intervenção do goleiro avaiano. A bola ainda seguiu para o caminho do gol, mas Ricardo salvou em cima da linha.

Na volta do intervalo, o Leão da Ilha superou o melhor desempenho dos donos da casa no primeiro tempo e chegou ao empate rapidamente. Aos dois minutos, Igor lançou na área e Carlinhos hesitou na hora de cortar. Léo pegou a sobra, fez grande jogada na área e deixou com Jonathan, que igualou o marcador.

No entanto, o CSA não se abateu e retomou a vantagem aos 25 minutos. Ricardo Bueno foi empurrado por Léo dentro da área e, após consulta ao VAR, Anderson Daronco assinalou a penalidade máxima. Na cobrança, Jonatan Gómez deslocou Vladimir e converteu.

Nos minutos finais, o Avaí se lançou ao ataque para buscar o segundo gol, mas foi o Azulão que balançou as redes mais uma vez. Nos acréscimos, Apodi recebeu de Jean Cléber, avançou e ficou cara a cara com o goleiro adversário, mandando no cantinho e garantindo o triunfo.

FICHA TÉCNICA
CSA 3 x 1 AVAÍ

Data: 06 de outubro de 2019 (domingo)
Local: Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL)
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (FIFA-RS)
Auxiliares: Rafael da Silva Alves (RS) e Elio Nepomuceno de Andrade Junior (RS)
VAR: Wagner Reway (PB)

Cartões amarelos: Jean Cléber, Alan Costa, Alisson Safira (CSA); Betão, Mosquera, João Paulo (Avaí)
Gols: Ricardo Bueno, aos 13 minutos do primeiro tempo; Jonatan Gómez, aos 25 minutos do segundo tempo; Apodi, aos 49 minutos do segundo tempo (CSA); Jonathan, aos dois minutos do segundo tempo (Avaí)

CSA: Jordi; Apodi, Alan Costa, Luciano Castán e Carlinhos; Naldo, Dawhan e Jonatan Gómez; Bustamante (Jean Cléber), Ricardo Bueno (Alisson Safira) e Bruno Alves (Warley).
Técnico: Argel Fucks

AVAÍ: Vladimir; Léo, Betão, Ricardo e Igor Fernandes; Mosquera (Vinícius Araújo), Richard Franco (Matheus Barbosa) e Douglas (Brenner); Caio Paulista, João Paulo e Jonathan.
Técnico: Alberto Valentim

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações