Polícia


Operação conjunta resulta em um morto, um preso e apreensões

Assessoria PRFAssessoria PRF

Assessoria PRF

Uma pessoa morreu em suposta troca de tiros com uma guarnição da Pelotão de Policiamento Especial da Polícia Militar (Pelopes) em Atalaia, 50 km de Maceió. Uma homem foi preso e um menor apreendido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em um dos trechos da BR 316.

De acordo com informações coletadas junto à assessoria da PRF, tudo teria começado no final da tarde desta quinta-feira, 15, na BR 316 durante uma abordagem a um veículo. Na ocasião foi apreendido um revólver calibre 38 e um documento de identificação falsificado com um adolescente.

Os apreendidos já vinham sendo investigados, segundo a assessoria da PRF, pela força conjunta que conta com a Secretaria de Estado da Defesa Social e Ressocialização (SEDRES), Polícia Militar, Polícia Civil e Ministério Público Estadual (MPE). Eles são acusados de participação em vários assaltos a ônibus na BR 101.

Ainda de acordo com a assessoria da PRF, os acusados teriam participado do roubo à agência dos Correios de Tanque D’Arca, no último dia 14. Foi preso Carlos Augusto e apreendido um adolescente de 17 anos, que estava com um RG falsificado.

Os acusados são foragidos do Sistema Prisional. Carlos Augusto é foragido do presídio Baldomero Cavalcante e o adolescente da Unidade de Internação de Menores (UIM). Um revólver calibre 38 foi encontrado no bolso do estofado do carro. “Os dois são perigosos e, inclusive, acusados de assaltos na BR 101”, destacou a assessoria da PRF.

Ainda de acordo com a assessoria da PRF, na casa de um dos acusados foram encontrados quatro RGs falsificados e 30 cartões de créditos clonados.

A assessoria da PRF destacou ainda que a Operação Rota Segura vem sendo desenvolvida nas rodovias federais do Estado para reduzir os constantes assaltos e roubos a coletivos. “Mas, também estávamos em parceria com as forças de segurança pública do Estado, Defesa Social, PM, Pelopes, Tigre, Deic e Ministério Público Estadual”, assegurou.

Morte e apreensões em Atalaia

Com a prisão de Carlos Augusto e a apreensão do menor, a operação conjunto foi cumprir mandados de busca e apreensão na casa de suspeitos em Atalaia e Tanque D’Arca. As informações foram confirmadas pelo comando da 4ª Companhia Independente de Atalaia.

De acordo com o tenente Caetano, o Pelopes dando cobertura a operação conjunta teria trocado tiros com Fabrício da Silva Santos, cuja idade não informada, o que resultou na morte do acusado.

Ele estava com um revólver 38 e teria resistido à prisão. De acordo com o tenente, ele pertencia a uma quadrilha acusada de roubo de veículos, transporte coletivo, tráfico de drogas, comercialização de arma de fogo, homicídios em Atalaia e Tanque D’Arca.



Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>