Economia


4.500 empregos: maior estaleiro das Américas será construído em Alagoas

Vanessa Alencar/Alagoas24HorasMarx Beltrão, prefeito de Coruripe

Marx Beltrão, prefeito de Coruripe

“Anuncio hoje o maior empreendimento da história de Alagoas”. Com essa frase o governador Teotonio Vilela Filho (PSDB) iniciou a coletiva realizada nesta sexta-feira, 9, onde foi divulgada a construção da maior indústria já implantada no Estado: o Estaleiro Eisa Alagoas, que será construído em Coruripe e cujo investimento é de R$ 1 bilhão e meio de reais.

A fábrica de navios de propriedade do Grupo Synergy será instalada em uma área de 2 milhões de m² e deve gerar, inicialmente, 4.500 empregos diretos a partir do início das obras, no começo de 2010, segundo o projeto apresentado para a imprensa pelo presidente do grupo, German Efromovich. A apresentação aconteceu na Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, Energia e Logística (Sedec), na Avenida.

“Trata-se de um empreendimento histórico para nossa terra, que vira uma página na nossa economia. Além dos empregos diretos, teremos dezenas de fábricas para acessórios dos navios que devem ser construídas ao redor do estaleiro. Isso significa emprego, renda, impostos e desenvolvimento”, disse Vilela, demonstrando emoção.

German Efromovich justificou a escolha de Alagoas para o projeto que, segundo ele, será o maior estaleiro das Américas, com capacidade inicial pra construção de três navios e duas plataformas de petróleo por ano. “Alagoas nos transmitiu a segurança e confiança que não poderíamos ter em nenhum lugar, sem contar com a acolhida e o apoio que tivemos aqui”, frisou, acrescentando que estudos realizados também indicaram Coruripe como o local ideal para a instalação.

Incentivos fiscais e treinamento

Com relação a contrapartida do Estado, Vilela explicou que, além da infraestrutura e do terreno, o governo irá conceder incentivos fiscais. “Alagoas tem a melhor legislação de incentivos fiscais do País”, lembrou, frisando que a empresa Eisa Estaleiro já está aberta no Estado e já concorre em licitações no País.

Vilela também se comprometeu em criar condições de qualificação profissional para que todos os empregos gerados pela construção do estaleiro sejam preenchidos por alagoanos. O governador aproveitou a oportunidade para defender a implantação de uma usina nuclear no Estado, o que geraria ainda mais emprego.

O projeto do estaleiro, que inclui a construção de uma vila residencial com mil casas e um centro de treinamento, já passou por um estudo de impacto ambiental e, segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico, Luiz Otávio Gomes, não trará agressão ao meio ambiente.

Se tudo correr conforme os planos do grupo investidor, o primeiro navio fabricado em Alagoas pode ser lançado às águas em 2013.

O anúncio da construção contou com a presença do senador João Tenório, dos deputados federais Joaquim Beltrão e Givaldo Carimbão, do deputado estadual João Beltrão, do prefeito de Coruripe, Marx Beltrão, e dos secretários estaduais de Infraestrutura, Marcos Firemann, de Desenvolvimento Econômico, Luiz Otávio Gomes, e de Comunicação, Nelson Ferreira.



Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>