Delegada de Coqueiro Seco diz que tentativa de homicídio a pastor foi encomendada

A delegada de Coqueiro Seco, Giovana Falcão, está ouvindo neste momento, testemunhas que estavam com o pastor John David Leonard, 45, quando ele foi baleado, na porta da Igreja Batista da Vitória.

Na noite de ontem, o pastor estava na frente da igreja depois de participar de um culto, quando três pessoas em um carro Corsa, de cor prata, atiraram e fugiram. As outras pessoas que estavam próximas do local não se feriram.

Depois de ouvir alguns depoimentos, a delegada informou que o pastor evangélico é um brasileiro e filho de americanos, por isso tem dupla nacionalidade. John David estava de viagem marcada para uma missão missionária, mas foi a Coqueiro Seco visitar um filho que tinha sofrido um acidente.

“Foi uma morte premeditada, uma encomenda”, afirmou a delegada. Giovana Falcão também informou que o pastor era bem quisto na cidade, onde tem um trabalho missionário, e que os atiradores são pessoas desconhecidas em Coqueiro Seco.

O pastor está internado na Unidade de Emergência Armando Lages em estado grave. Ele foi baleado no braço esquerdo, pescoço e na mandíbula.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações