Suspeito de matar homossexual em Coqueiro Seco é preso

O principal suspeito de ter assassinato e esquartejado o homossexual Irapuã Gomes Batista, 28, no dia nove de julho, no município de Santa Luzia do Norte, foi preso ontem, em uma operação da Polícia Civil, comandada pelo delegado da cidade, Nivaldo Aleixo.

Aleixo não adiantou o motivo do crime, mas revelou que a Polícia Civil possui provas suficientes para indiciar Geová Cândido Barbosa, como autor intelectual e material do crime.

"Nesta semana fomos acusados de não estar investigando o caso por se tratar de um homossexual. Está aí a resposta. Para mim, todos são iguais perante a lei e um crime cruel como este não ficaria sem resposta. Prendemos o culpado", desabafou Aleixo.

O delegado solicitou a preventiva do suspeito, que já foi decretada pela Justiça. Esta semana, Geová Barbosa deve ser transferido para a Unidade Prisional Rubens Quintella, em Maceió.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações