Ajuda aos municípios tem início ainda esta semana

Alagoas24horasVice-presidente da Associação dos Municípios Alagoas, Reinaldo Falcão

Vice-presidente da Associação dos Municípios Alagoas, Reinaldo Falcão

A demora no repasse de informações por parte de alguns municípios alagoanos vem dificultando o início dos trabalhos de distribuição de água nos locais atingidos pela seca. De acordo com informações do comandante do Exército, a corporação já está pronta para dar início à operação e o Governo Federal liberou, inicialmente, R$ 800 mil para começar a distribuição nos municípios regulamentados.

A reunião ocorrida nesta manhã com os prefeitos e representantes dos 30 municípios que serão beneficiados serviu para tirar dúvidas de como vai ser realizada a operação pelo 59º Batalhão de Infantaria Motorizada.

“Continuamos realizando o cadastramento dos pipeiros nas região. Recebemos ontem a relação dos municípios que serão beneficiados e a partir de agora é que podemos começara a distribuição. Já foram deslocadas algumas equipes para pontos estratégico para que pudesse analisar o local e montar o apoio da operação”, explicou o comandante do Exército, Cel. Saraiva.

O comandante do Exército informou ainda que se tudo der certo ainda hoje começa a encaminhar os primeiros carros-pipa para os primeiros municípios. “Precisamos apenas acertar alguns pontos para dar início aos trabalhos. A previsão é que os carros comecem a distribuir a água esta semana”, diz Saraiva.

Municípios

Trinta municípios já estão regularmente prontos para receber a água. São eles: Batalha, Belo Monte, Girau do Ponciano, Jacaré dos Homens, Jaramataia, Traipú, Cacimbinhas, Craíbas, Estrela de Alagoas, Major Isidoro, Minador do Negrão, Palmeira dos Índios, Monteirópolis, Olho D’Água das Flores, Olivença, Pão de Açúcar, São José da Tapera, Senador Rui Palmeira, Canapi, Dois Riachos, Maravilha, Ouro Branco, Poço das Trincheiras, Santana do Ipanema, Água Branca, Delmiro Gouveia, Inhapi, Mata Grande, Piranhas e Pariconha.

Outros oito municípios estão faltando enviar dados para a Associação dos Municípios Alagoas (AMA) para que seja incluso na lista dos beneficiados. “A nossa preocupação é que nenhum município necessitado fique de fora, por isso encaminhamos duas equipes para colher o restante das informações e em seguida eles possam também receber esta ajuda”, ressaltou o vice-presidente da AMA, Reinaldo Falcão.

Adutora

“Esta medida é um paliativo já que estamos enfrentando a pior seca dos últimos cinco anos. São seis meses sem chover no Sertão e a situação é preocupante. Precisamos mesmo é da Adutora para resolver o problema da água no Sertão”, comentou Falcão.

Na última sexta-feira o ministro da Integração Nacional, Ciro Gomes, autorizou a liberação de R$ 23.967.581,57 para a realização de obras nos estados de Alagoas, Ceará, Mato Grosso, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Piauí.
Para Alagoas foram liberados R$15 milhões destinados à execução das obras da barragem Duas Bocas/Santa Luzia, integrantes do sistema Pratagy, que abastece de água a Capital do Estado, Maceió. Esses recursos também serão utilizados na construção da adutora e da sub-adutora de água tratada e na ampliação e construção da estação elevatória do bairro do Jacintinho.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações