Justiça


Justiça ‘devolve’ cargo a Toinho Batista em Joaquim Gomes

Ação foi deferida pelo juiz da comarca daquele município.

Luzamir Carneiro/JGNoticiasToinho Batista, prefeito de Joaquim Gomes

Toinho Batista, prefeito de Joaquim Gomes

Longe de chegar ao fim, o imbróglio sobre o cargo de chefe do executivo do município do Joaquim Gomes ganhou mais um capítulo nesta terça-feira (2). O juiz da comarca da cidade, Luca Lopes Dória Ferreira acatou o mandado de segurança impetrado pelo advogado de Antônio Araújo Barros (PSDB), o Toinho Batista, que pedia a volta do prefeito ao cargo.

O prefeito havia conseguido na justiça o direito de reassumir a prefeitura depois de decisão monocrática do desembargador e presidente do Tribunal de Justiça, Washington Luiz. A volta de Toinho, porém, durou somente algumas horas. Após ser reempossado os vereadores votaram e aprovaram um novo pedido de afastamento com base em uma denúncia posta em pauta naquela sessão. A decisão deixaria Toinho longe do cargo por pelo menos 90 dias, não fosse a decisão do magistrado que o reconduziu ao cargo.

Para o advogado de Toinho, Michel Galvão, “tudo ocorreu conforme já era previsto, pois não existe legitimidade para tal afastamento e já esperava que a justiça fosse garantir o direito de meu cliente.”
A liminar deferida pelo magistrado determina a suspensão dos efeitos do Decreto Legislativo nº 07/2015, facultando, por conseguinte, o imediato retorno de Toinho Batista ao cargo de Prefeito do Município de Joaquim Gomes/AL. “Providencie-se a intimação do Poder Legislativo para que tome as providências de rigor,”. diz o juiz em sua decisão.

Toinho

O prefeito estava afastado de suas funções desde o dia 14 de abril do ano passado quando foi afastado pela justiça – a mesma que garantiu sua volta – por responder por crimes de improbidade administrativa.

Fonte: *Com informações do JG Notícias

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>