Com desistência de Collor oposição tem até segunda-feira para substituir o candidato

O bloco de oposição ao governo terá até segunda-feira para indicar um substituto do senador Fernando Collor,que desistiu de continuar como candidato ao governo por uma série de fatores. A legislação prevê que a substituição terá que ser até 20 dias antes, inclusive para possibilitar a inserção de outro nome nas urnas e a retirada do atual do sistema eletrônico. Se a oposição não fizer a substituição no prazo legal, a chapa majoritária ficará sem o candidato a governador.

Até agora nenhum nome surgiu e a oposição prefere não se pronunciar nessas 72 horas. No vídeo que anunciou a sua desistência, Collor deixou bem claro que vários fatores contribuíram para sua decisão, desde a falta de apoio de alguns integrantes do grupo, como também logística de campanha. O acirramento, agora, é transferido para o Senado, onde quatro fortes candidatos disputam as duas vagas

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações