Comitê de Credores recorre à Justiça contra decisão de adiar venda das terras da Guaxuma

O Comitê de Credores que representa diversas categorias, vai recorrer à Justiça para anular a decisão monocrática do desembargador Kléver Loureiro que, à pedido da família do empresário falido João Lyra, suspendeu o leilão das terras da Usina Guaxuma. Esta decisão adiou a venda das terras, onde o Grupo Japungu, o mesmo que comprou a usina Vale do Parnaiba, já havia sobrevoado toda a região e estava prestes a entrar na disputa pela compra fazendo uma proposta, incluindo também o parque industrial.

O Comitê não concordou com a suspensão e decidiu que vai tomar medidas judiciais para reverter a situação. A não venda das terras vai prejudicar milhares de trabalhadores e outros credores que esperam que suas indenizações sejam pagas. A venda de Guaxuma iria possibilitar, segundo os prejudicados, empregos para milhares de trabalhadores direta e indiretamente nos próximos meses.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações