Janot é imparcial?

Boa entrevista do procurador da República Celso Antônio Três ao Estadão, publicada nesta sexta (17).

Duas respostas dele merecem destaque.

O Estadão pergunta se o procurador-geral Rodrigo Janot tem sido imparcial na Lava Jato, e Celso Três responde:

– O estopim do impeachment foi a divulgação da conversa de Dilma e Lula. Janot avalizou-a. Temer, antes da Presidência – agora está blindado –, já constava em listas e menções de propina. Janot nunca investigou. Onde há imparcialidade?

Outra pergunta: Janot parece querer um terceiro mandato como PGR. Ele tem chance de ser reconduzido?

– Quem nomeia procurador-geral para derrubar o próprio governo é o PT. Temer jamais cometeria suicídio. Exemplo é [a nomeação de] Alexandre Moraes ao STF. Janot está fora.

 

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *