quarta, 23 de abril de 2014
límpido26ºCMaceio
 
Mala direta, Assine!

Cadastre-se e receba nossa mala-direta com os destaques do dia. Muito mais comodidade para voce!

Curta a nossa Fanpage Siga-nos no Twitter Assine o FEED
00:00:00

Notícias

Maceió 09h10, 16 de Março de 2012

Cooperativa promove protesto contra licitação de transportadores complementares


Cláudia Galvão e Amanda Dantas
Alagoas24horas
Cooperativa promove protesto contra licitação de transportadores complementares
Cooperativa promove protesto contra licitação de transportadores complementares

Os transportadores filiados à Cooperativa de Transporte Complementar Intermunicipal de Passageiros de Alagoas (Coopervan) realizam, desde às 20h deste quinta-feira, dia 15, um protesto em vários pontos do Estado. Em Maceió, a mobilização se concentra em frente à Agência de Modernização da Gestão de Processos (Amgesp), no bairro do Farol. Os transportes exigem a anulação da licitação organizada pela Agência Reguladora de Serviços Públicos de Alagoas (Arsal).

Segundo o presidente da cooperativa, Marcondes Prudente, os filiados teriam sido impedidos pelo Estado de participar do certame na condição de cooperativa, mesmo havendo lei resguardando o pleito. A categoria alega, ainda, que tramita na 16ª Cível da Capital um pedido de retificação do edital quanto à participação da cooperativa. Em novembro do ano passado, em decisão monocrática do desembargador Pedro Augusto, o pedido foi indeferido. A categoria entende, no entanto, que o mérito não foi julgado, o que impediria a classificação dos candidatos.

O presidente da Arsal, Waldo Wanderley, disse em entrevista ao Alagoas24Horas que os transportadores ligados ao Coopervan se recusaram a participar da licitação, o que resultou na vacância de algumas linhas, que voltarão a ser licitadas no final do atual processo, o que deve ocorrer em até 40 dias.

Wanderley desqualificou as denúncias dos cooperados e disse que a Amgesp, assim como o Ministério Público Estadual e a Justiça, foram parceiros do processo licitatório, garantindo a sua lisura. O presidente da Arsal informou, ainda, que a agência reguladora irá participar, com os representantes das demais categorias, da reunião na sede do Ministério Público Estadual, com o promotor Jamil Barbosa, prevista para ter início às 11h00.

Os transportadores permanecem enfileirados na Rua Manoel Maia Nobre, no Farol, de onde seguirão para o MP.

Galeria de Imagens

Leia mais

Compartilhe

mais opções
Publicidade
Anterior Bandidos levam R$ 3 mil de mercadinho no Pinheiro
Próxima Concursos: Semana terá inscrições para 7,3 mil vagas
 
© 2005 - 2014, Alagoas 24 Horas | Anuncie
Redação: Avenida Álvaro Calheiros, 342, SL 13 – Blue Shopping – Mangabeiras
contato@alagoas24horas.com.br
Fone/Fax: (82) 3325-2088
id5 soluções web