domingo, 26 de outubro de 2014
límpido19ºCMaceio
 
Mala direta, Assine!

Cadastre-se e receba nossa mala-direta com os destaques do dia. Muito mais comodidade para voce!

Curta a nossa Fanpage Siga-nos no Twitter Assine o FEED
00:00:00

Notícias

Polícia 09h20, 14 de Maio de 2012

Final de semana: 11 pessoas são assassinadas no interior de AL


Flávia Duarte
Ítalo Timóteo/Mais Notícias/Cortesia
Dois irmãos foram mortos durante troca de tiros com policiais em Delmiro Gouveia
Dois irmãos foram mortos durante troca de tiros com policiais em Delmiro Gouveia

O Instituto Médico Legal Doutor Edvaldo Castro Alves, em Arapiraca, registrou a entrada de onze corpos vítimas de violência no interior de Alagoas durante este final de semana. Dos crimes, oito pessoas foram mortas por arma de fogo e três com golpes de arma branca.

Em Arapiraca, o mototaxista Marcos Santana de Magalhães, 36 anos, que residia no bairro Brasília, em Arapiraca, foi morto a tiros no início da madrugada do domingo (13), na Rua São Roque, bairro Jardim Tropical.

Marcos foi alvejado durante um assalto. O criminoso levou da vítima uma motocicleta de cor vermelha, placa NML-9706. O veículo foi abandonado no Povoado Baixa da Onça.

Na cidade de Palmeira dos Índios, José Correia da Silva, 53 anos, foi morto a tiros dentro de sua casa no bairro Vila Maria. Informações de testemunhas apontam que o marchante estava no quintal da residência com amigos, quando o espaço foi invadido pelos algozes, que efetuaram vários disparos contra José Correia. A polícia não tem informações sobre as motivações do crime.

O ancião Arlindo Marcelino da Silva, 65 anos, foi morto em Igaci. O crime aconteceu no início da noite deste domingo, 13. Segundo informações policiais, a vítima foi morta dentro de sua residência. Testemunhas informaram que dois homens em uma motocicleta pararam na porta da casa, o carona desceu e assassinou Arlindo com um tiro na nuca.

Adalto Araújo Ferreira, 28 anos, foi alvejado no abdômen, tórax e cabeça na noite do domingo, na Rua Antônio Madeiro, Centro da cidade de Taquarana. O crime foi praticado por uma pessoa que estava numa motocicleta de cor amarela. A vítima chegou a ser socorrida e levada a Unidade de Emergência do Agreste, mas faleceu antes de receber atendimento.

Foi encontrado na noite do domingo, o corpo de um homem, aparentando ter 25 anos, de pele morena, vestindo camisa preta com listras brancas e bermuda azul, com disparo de arma de fogo na testa e vários golpes de faca peixeira. O crime ocorreu na Rua Francisco Cavalcante, bairro Primavera, em Arapiraca.

Delmiro Gouveia

Em Delmiro Gouveia, Edvaldo de Aquino Guerra, de 21 anos, conhecido como "Beto", foi alvejado com dois tiros de espingarda calibre 12 que atingiu o tórax e o pescoço tendo morte instantânea. O crime aconteceu neste domingo, 13, no bairro Campo Grande.

A Polícia Militar foi acionada para o crime e houve perseguição e tiroteio com os acusados. Os irmãos José Antônio de Jesus Filho, 54, e Pedro José de Jesus, 52, foram mortos durante o confronto. Os dois eram acusados, juntamente com um homem identificado apenas por "Naldinho", de matar Edvaldo de Aquino Guerra. Segundo informações da polícia, Edvaldo teria ameaçado de morte o Pedro de Jesus na noite de sábado (12).

De acordo com a polícia, o autor do disparo teria sido Naldinho, que se encontra foragido. Os irmãos Pedro e José teriam dado apoio ao autor dos disparos e fugiram em um Fiat Uno de cor preta e placas NMI-5467, sendo perseguidos por uma guarnição do PELOPES do 9º BPM.

Na perseguição, os irmãos reagiram à prisão atirando nos policiais, que revidaram. Os José Antônio e Pedro foram baleados e encaminhados pelos policiais para a Unidade de Emergência de Delmiro Gouveia, mais chegaram sem vida. Com os acusados a polícia encontrou dois revólveres calibre 38, nove munições deflagradas e dez intactas. Não foi encontrada a espingarda calibre 12 que teria sido utilizada no crime.

Arma branca

O funcionário público Paulo Alexandre Souza Pereira, 31 anos, foi morto a golpes de faca peixeira na Rua Coronel Costa Nunes, na periferia da cidade de Anadia. Na cidade de Maravilha, Manoel Pedro Barbosa, 62 anos, que morava na Rua São Luiz, também foi assassinado com golpes de arma branca.

E em Arapiraca, um homem ainda não identificado foi encontrado morto a facadas no Loteamento Sonho Verde, no sítio Barro Vermelho.

Fonte: com agências

Leia mais

  • Magno14/05/2012 10h28 comentou:
  • Será que Téo lê jornal???
  • ALAGOANO14/05/2012 10h07 comentou:
  • É O QUE MAIS ESTÁ CRESCENDO EM ALAGOAS: A VIOLÊNCIA. ESTÁ NA HORA DE MUDAR.

Compartilhe

mais opções
Publicidade
Anterior Polícia registra 34 assassinatos no estado no fim de semana
Próxima Concursos: Semana terá inscrições para 7,3 mil vagas
 
© 2005 - 2014, Alagoas 24 Horas | Anuncie
Redação: Avenida Álvaro Calheiros, 342, SL 13 – Blue Shopping – Mangabeiras
contato@alagoas24horas.com.br
Fone/Fax: (82) 3325-2088
id5 soluções web