segunda, 22 de dezembro de 2014
parcialmente nublado24ºCMaceio
 
Mala direta, Assine!

Cadastre-se e receba nossa mala-direta com os destaques do dia. Muito mais comodidade para voce!

Curta a nossa Fanpage Siga-nos no Twitter Assine o FEED
00:00:00

Notícias

Polícia 18h06, 25 de Outubro de 2013

Polícia desarticula quadrilhas de tráfico de drogas em Murici


Danielle Silva e Railton Teixeira
Alagoas24Horas
Polícia desarticula quadrilhas de tráfico de drogas em Murici
Polícia desarticula quadrilhas de tráfico de drogas em Murici

Os detalhes da Operação ‘Murici Mais Seguro’, desencadeada na manhã desta sexta-feira, 25, naquela região foram repassados à imprensa, nesta tarde, durante entrevista coletiva na sede Delegacia Geral, em Jacarecica. Os delegados Sheila Carvalho, diretora de Polícia Judiciária da Área 3 (DPJA 3); Mário Jorge Barros de União dos Palmares e Manoel Wanderley, titular de Murici, destacaram que a operação se fez urgente diante do aumento do número de crimes no local, a exemplo do triplo homicídio ocorrido no sábado passado.

No decorrer das investigações, a Polícia descobriu um forte esquema de tráfico de drogas comandado por dois grupos, na mesma cidade. Onze pessoas foram presas e dois menores apreendidos, todos acusados de integrar as quadrilhas. Três pessoas foram apontadas como líderes do tráfico: José Orlando Alves, 22 anos, conhecido como Neguinho, que atua no conjunto Orlando Calheiros e localidade conhecida como Portelinha; Everton da Silva Pereira, conhecido como ‘Nem Satanás’, 22 anos e Zé da Nóia, que já havia sido preso.

Segundo informações da polícia, há provas testemunhais de que os presos teriam envolvimento com o tráfico, embora eles tenham negado quando questionados pela imprensa, durante a apresentação. Além de José Orlando Alves e Everton da Silva Pereira, já citados, foram presos: Manoel Dalino da Silva; Jonathan Felipe da Silva Santos, 19 anos; Edson Paixão Rocha, 21 anos; José Severino da Silva, 19 anos; Marcondes Mangueira da Silva, 24 anos (preso com duas espingardas, sendo uma caseira); Paulo Roberto Félix da Silva, 20; Sandro Pereira da Silva, 30, conhecido como Nino; Eduardo da Silva Santos, 18 anos, conhecido como Dudu e Mírian Suelen da Silva Lopes, 30 anos (presa com droga e dinheiro). Os menores foram apreendidos com armas e R$ 700 em espécie.

Sobre as gangues

Ao falar sobre o esquema organizado do tráfico em Murici, os delegados criticaram o código penal e a brechas da lei. Eles destacam que alguns dos envolvidos já foram presos e retornaram ao mundo do crime. Um dos exemplos dessa situação é o Nem Satanás (Everton da Silva Pereira), acusado em três crimes, já chegou a ser preso, mas foi solto rapidamente e voltou ao crime. Ele teria ocupado o comando do tráfico no conjunto Pedro Raposo Tenório, depois que o líder do tráfico, Ugá, morreu durante uma troca de tiros com a polícia. No momento da prisão ele estava com uma motocicleta com placa adulterada.

José Orlando, o Neguinho, teria ocupado a “boca de fumo” do também traficante Zé da Nóia, preso no ano passado. Hoje ele domina o conjunto Orlando Calheiros e Portelinha e está sendo acusado de comandar o triplo homicídio, ocorrido no último sábado em Murici.

Os mandados de prisão foram expedidos pelo juiz de União dos Palmares, José Alberto Passos.

Galeria de Imagens

Leia mais

Compartilhe

mais opções
Publicidade
Anterior Curso de reciclagem de material capacita servidores
Próxima Alagoanos fazem mais de 4,8 mil ligações para o Disque Denúncia
 
© 2005 - 2014, Alagoas 24 Horas | Anuncie
Redação: Avenida Álvaro Calheiros, 342, SL 13 – Blue Shopping – Mangabeiras
contato@alagoas24horas.com.br
Fone/Fax: (82) 3325-2088
id5 soluções web