sexta, 22 de agosto de 2014
parcialmente nublado23ºCMaceio
 
Mala direta, Assine!

Cadastre-se e receba nossa mala-direta com os destaques do dia. Muito mais comodidade para voce!

Curta a nossa Fanpage Siga-nos no Twitter Assine o FEED
00:00:00

Notícias

Cultura 07h59, 20 de Janeiro de 2014

Baile de máscaras dos Seresteiros da Pitanguinha chega a 11ª edição


Antônio Fon

Os foliões já podem preparar as fantasias. No dia 14 de fevereiro O Baile de Máscaras dos Seresteiros da Pitanguinha chega a sua 11º edição. Tendo como tema O Traço do Trio, desta vez a homenagem especial vai para Ênio Lins, Hércules Mendes e Nunes, três dos maiores chargistas e cartunistas de Alagoas..

Como acontece nos últimos 7 anos, o local desta grande folia é o Centro de Convenções. E na verdade é uma festa em dose dupla. Isso porque no dia 14 de fevereiro o frevo vai até raiar do dia embalando centenas de foliões, ao som os Seresteiros da Pitanguinha e Spok Orquesrad e Frevo do Recife. E no dia 16, quem cai na folia é a criançada, na 5ª edição de O Bailinho – Matinê Infantil dos Seresteiros da Pitanguinha, com participação da banda Kazuadinha.

Utilidade pública – Os Seresteiros da Pitanguinha fazem parte de uma instituição de utilidade pública estadual e municipal, a Organização Serenata da Pitanguinha. O grupo existe há 19 anos e é formado por profissionais liberais, funcionários públicos, engenheiros, médicos, psiquiatras. Pessoas com idades entre 24 e 85 que se uniram em nome do amor à cultura.

Nos primeiros anos, o foco era reviver as saudosas serenatas de rua. Assim, desde então todas as primeiras sextas-feiras de cada mês os seresteiros saem as ruas do bairro da Pitanguinha cantando choros, sambas, marchinhas e outros genros da autêntica música brasileira.

Na seqüência, os Seresteiros decidiram que também iriam dar a sua contribuição para o resgate dos blocos de rua de Jaraguá. A partir daí, a cada sábado que antecede o carnaval os alegres senhores e senhoras saem cantando pelas ruas do histórico bairro. Mas no ano passado o desfile mudou de local e passou a ser feito nas ruas da própria Pitanguinha

Sobre o nascimento do baile - Há 11 anos os Seresteiros firmaram parceria com o escritório de produção Sue Chamusca Arte e Assessoria para desta vez apostar numa empreitada mais ousada: reviver os antigos e belos bailes de carnaval.

Remando contra a maré dos axés, pagodes e outras estilos do gênero, o Baile de Máscaras abriu espaços, passou a ser o ponto de encontro de quem realmente ama o carnaval. Um carnaval cheio de magia, com boa música, segurança e fantasia. E toda essa festa acontece em ambiente de 3 mil metros cuidadosamente decorado.

SERVIÇO

XI Baile de Máscaras dos Seresteiros da Pitanguinha

Tema: O Traço do Trio

Homenageados: Ênio Lins, Hercules Mendes e Nunes

Abertura da casa 21h

Atrações: Concurso de Máscaras e Fantasias

Seresteiros da Pitanguinha

Spok Orquestra de Frevo do Recife

Ingressos individuais: de R$ 40,00 (meia-entrada) e R$ 80,00 (inteira)

Mesas:

Setores – Lilás, Azul Claro, Rosa e Vermelho R$ 400,00 (mesa para 4 pessoas)

Setores – Branco, Amarelo, Laranja e Verde Claro R$ 350,00 (mesa para 4 pessoas)

Setores – Verde Escuro e Azul Escuro R$ 300,00 (mesa para 4 pessoas)

Vendas: stand Sue Chamusca – Maceió Shopping e pelo site www.suechamusca.com.br

Formas de pagamento: em dinheiro ou em 2 X em qualquer cartão

Informações: 3235-5301 / 9928-8675 / info@suechamusca.com.br / WWW.suechamusca.com.br

Galeria de Imagens

Compartilhe

mais opções
Publicidade
Anterior Homem se tranca dentro de casa e ateia fogo no imóvel para tentar se matar
Próxima Alagoanos fazem mais de 4,8 mil ligações para o Disque Denúncia
 
© 2005 - 2014, Alagoas 24 Horas | Anuncie
Redação: Avenida Álvaro Calheiros, 342, SL 13 – Blue Shopping – Mangabeiras
contato@alagoas24horas.com.br
Fone/Fax: (82) 3325-2088
id5 soluções web