Polícia prende primeiro suspeito no assassinato de vigilante da Adefal

Delegacia de RoubosJonathan Edinaldo da silva, 22, foi preso no Feitosa

Jonathan Edinaldo da silva, 22, foi preso no Feitosa

A delegacia de Roubos da Capital prendeu, na tarde desta quarta-feira (19), um dos suspeitos de participação do crime que vitimou o vigilante da Associação de Deficientes Físicos de Alagoas (Adefal), na madrugada de hoje.

Jonathan Edinaldo da Silva, e 22 anos, foi preso em sua residência, no bairro do Feitosa. De acordo com o delegado de Roubos, Thiago Prado, o jovem confessou que estava no local do crime, mas afirmou não ter sido a pessoa que atirou no vigilante.

Segundo o delegado, as investigações ainda estão em andamento e outros dois envolvidos já foram identificados e podem ser presos a qualquer momento. Questionado sobre o motivo do crime, o delegado disse que foi latrocínio. “Não posso passar mais informações para não atrapalhar as investigações, mas já temos os nomes dos outros dois e estamos trabalhando para fazer a prisão. O motivo da morte, até agora, foi latrocínio. Eles queriam a arma do vigilante”, afirmou o delegado.

Leia também: Vigilante foi morto na frente de pacientes e crianças; veja o vídeo

Fábio Flávio dos Santos, 29, era estudante universitário e foi assassinado com vários tiros quando abria um portal da Associação para a entrada de alguns pacientes. Os tiros causaram tumulto e muitos pacientes, inclusive crianças, correram para se proteger. Os bandidos levaram a arma da vítima.

As imagens das câmeras de segurança de um condomínio e também denúncias realizadas pelo 181 ajudaram os policiais na identificação e prisão do jovem.

Veja Mais

2 Comentários

  • wal says:

    Pessoas dessa laia, estão a serviço do diabo, é um resumo de tudo o que não presta. E porque não deixar estas pestes presos até o resto de suas vidas ?
    Diz aí turma de Brasília …

  • Desarmado says:

    Onde também tem muito assaltante metendo bronca e na região de Bebedouro,os elementos chegam aterrorizando nos pontos de ônibus fazendo arrastão e ameaçando trabalhadores e estudantes,tem uma quadrilha do Flexal que está dando o que falar no bairro os moradores todos com medo desses mau elementos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *