Dezesseis suspeitos de homicídios são presos em operação das polícias Civil e Militar

Ascom PC/ALpc3-696x392

Uma operação conjunta das polícias Civil e Militar deflagrada na manhã desta sexta-feira (11) resultou na prisão de 12 pessoas acusados de envolvimento em homicídios na capital. Foram expedidos 18 mandados de prisão.

A operação conta com dez delegados, sob a coordenação da delegada Ana Luíza Nogueira, além de 100 agentes da segurança pública. Os presos e o material apreendido estão sendo encaminhados ao Complexo de Delegacias Especializadas (Code), no bairro de Mangabeiras.

As identidades dos suspeitos e os crimes que lhe são atribuídos não foram divulgados oficialmente. Ainda de acordo com Nogueira, os mandados de prisão foram expedidos pela justiça alagoana após conclusão de inquérito policial que aponta a autoria dos crimes, que incluem estupro e assalto.

PCAL/ArquivoMegaoperação policial prende 15 pessoas em Maceió

Megaoperação policial prende 15 pessoas em Maceió

Na operação foram detidos: Jeferson da Silva Costa, 28 anos; Adriano Carlos Lessa Fernandes, 36; Edvan Clementino da Silva, 40; Bruno Rafael Correia Couto, 18; Irinaldo Laurindo da Silva, 24; Eduardo da Silva Cordeiro, 18; Toni Jairo dos Santos, 34; José Alexandre Correia dos Santos, 38; Willames Palmeira, 23; Ronivaldo Fernandes de Lima, 38; Antônio Félix da Silva, 62; Michel Pedro da Silva, conhecido como “Cabeça”, 23, Elizelma Santos da Silva, 29, e Daniel Santos de Araújo Ernesto, 26 anos, todos em Maceió. Adjamissom Barbosa Freire, de 35 anos, foi o último ser preso, em Arapiraca, por agentes da 4ª Delegacia Regional de Polícia (4ª DRP). Ele praticou crime na capital, mas reside naquela cidade do Agreste.

Atualizada às 17h30

Veja Mais

Deixe um comentário