Após visita de Renan Filho ao sistema prisional, detento é encontrado decapitado

Ascom / TJ-ALCadeião

Ascom / TJ-AL / Ilustração

Durante visita do governador Renan Filho (PMDB), na manhã desta segunda-feira (26), ao complexo penitenciário do Estado, para anunciar a ampliação e compra de novos equipamentos para a unidade prisional, dentro do repasse de R$ 42 milhões previstos pelo governo federal, um detento foi encontrado decapitado dentro de uma das celas da Casa de Custódia, conhecida como Cadeião.

A morte foi confirmada pela assessoria da Secretaria de Estado de Ressocialização e Inclusão Social (Seris). O detento foi identificado como Carlos Júnior dos Santos, que estava preso por roubo.

O fato está sendo também acompanhado de perto pelo Sindicato dos Agentes Penitenciários de Alagoas (Sindapen). De acordo com informações preliminares, os próprios agentes teriam evitado a morte de outros cinco presos que estavam “marcados” para morrer. O motivo seria disputa de facções criminosas.

A equipe de reportagem do Alagoas 24 Horas teve acesso a foto do preso, mas em respeito ao leitor optamos por não divulgar. A equipe identificou que a cabeça do indivíduo, após ter sido cortada, foi inserida no abdome. Essa cena chocante está circulando desde cedo nas redes sociais.

 

Veja Mais

Deixe um comentário

Vídeos