Novos serviços do HU são oferecidos aos usuários do SUS

Entre os atendimentos especializados, está a sala de acolhimento às populações indígenas

Ascom / Ufal

Reitora Valéria Correia e vice-reitor José Vieira acompanharam a apresentação dos espaços

O Hospital Universitário Professor Alberto Antunes apresentou à comunidade, nesse início de setembro, novos espaços de atendimento: o Centro Endoscópico Diagnóstico e Terapêutico, a Sala de Acolhimento às Populações Indígenas e o Ambulatório de Feridas Complexas. Os setores darão suporte ao atendimento dos usuários dos serviços do Sistema Único de Saúde.

Os novos serviços possibilitam o atendimento especializado, que atendam as especificidades clínicas de cada paciente. O Ambulatório de Feridas Complexas funciona como unidade de suporte aos pacientes das enfermarias, oferecendo ao paciente um atendimento alinhado ao seu quadro clínico. A intenção é diminuir as ocorrências de amputações e atenuar o sofrimento do paciente.

No Centro Endoscópico e Terapêutico do HU, o usuário tem acesso a exames como endoscopia e colonoscopia e consultas com médicos gastroenterologistas. As novas instalações do serviço possuem dois consultórios, quatro salas de exames, duas salas de espera e recepção.

A reitora da Universidade Federal de Alagoas, Valéria Correia, falou da ampliação dos serviços oferecidos pelo hospital à população. “Estamos na contramão da realidade brasileira, com a ampliação e inauguração de novos serviços à população alagoana. O centro de endoscopia do HU permitirá ao usuário o acesso a procedimentos financiados exclusivamente pelo Sistema Único de Saúde”, apontou a reitora da Ufal.

Profissionais da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) participaram da apresentação dos espaços e falaram da importância do acolhimento às populações indígenas. Para a assistente social da Sesai, Maria Isabel, a iniciativa torna o espaço hospitalar apropriado para o atendimento especializado e fortalece as políticas de saúde voltadas a estas populações.

Segundo o presidente da Empresa Brasileira de serviços Hospitalares (Ebserh), Kleber de Melo Moraes, os novos serviços representam o atendimento qualificado ao usuário, alinhado à produção dos cursos da Ufal. “Há a necessidade de se reconhecer dentro do espaço hospitalar, o ensino, a pesquisa e a extensão, que enriquece as práticas no dia a dia dos profissionais e pacientes”, destacou.

A superintendente do Hospital Universitário, Regina Maria dos Santos, ressaltou o trabalho em conjunto com a Gerência de Atenção à Saúde, o setor de arquitetura, da Ufal e da Ebserh, com o objetivo de atender demandas importantes na área da saúde. “Atender às solicitações e demandas da população, num momento em que atravessamos, é um desafio.    Estas novas estruturas possibilitam mais segurança tanto para os pacientes quanto para a equipe do hospital”, avaliou Regina dos Santos.

Fonte: Ascom / Ufal

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *