Após ataque a ônibus do CRB, organizada expulsa membros envolvidos

A torcida organizada Garra do CRB publicou nesta quinta-feira, 7, uma nota de expulsão contra os dois torcedores que aparecem jogando ovos no ônibus da equipe do time em um vídeo amplamente divulgado  nas redes sociais. O episódio aconteceu ontem na BR-104, quando o time regressava a Maceió após duas partidas fora de casa.

Os sócios foram identificados apenas como Diego e João Paulo e a comunicação diz que eles feriram o estatuto e denegriram o nome da torcida. Ainda ontem a direção da Garra havia dito que a atitude foi um ato isolado e não condiz com os valores do grupo.

No Instagram da organizada a atitude divide opiniões. Alguns torcedores dizem que a expulsão foi exemplar, enquanto outros defendem que houve exagero na postura e que o ato filmado representaria a vontade de muitos torcedores.

A assessoria do Galo segue sem querer se pronunciar sobre o caso.

Confira a nota da Torcida Garra

Através de nosso Conselho Diretório, em maioria de concordância, viemos por meio deste relatar e decretar a expulsão de nosso quadro de sócios os seguintes citados: Diego e João Paulo. Tendo como motivo a falta de postura e conduta referente ao nosso estatuto, denegrindo o nome da torcida por atos que não aceitamos. Que fique de exemplo que balbúrdia e vandalismo não são nosso lema e sim total dedicação ao Clube de Regatas Brasil.

O CRB ocupa a 9ª colocação da Série B, com 47 pontos, e volta a entrar em campo neste sábado (9), contra o Atlético-GO, no Estádio Rei Pelé, às 19 horas, em partida válida pela 34ª rodada da competição.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba notificações no seu whatsappReceba nossas notificações