Assassino de secretário de turismo é condenado a mais de 18 anos de prisão

Erivan foi levado para presídio de segurança máxima

Foi condenado a 18 anos e seis meses de prisão o assassino do ex-secretário de Turismo de Traipu, José Valter Matos. O julgamento de Erivan Alves dos Santos, 40 anos, foi encerrado na noite desta quarta (13) no Fórum da Capital. Segundo o Tribunal de Justiça de Alagoas, o réu foi condenado por por homicídio qualificado “por ter sido mediante promessa de pagamento e por utilizar recurso que dificultou a defesa da vítima”.

O crime ocorreu em 2011 e o assassino foi flagrado por câmeras de monitoramento do município. Erivan foi preso e chegou a ficar em presídio de segurança máxima, em Campo Grande. O então secretário foi surpreendido na garagem da sua residência.

Na época do crime, a polícia chegou ao autor material do crime ser flagrado pelas câmeras. A mulher do suspeito o reconheceu e apontou à polícia judiciária. Erivan dos Santos afirma ter sido contratado pelo ex-prefeito de Traipu, Marcos Santos.

Segundo o Ministério Público Estadual, o processo contra o autor intelectual está em andamento em fase de alegações finais, porém, o promotor não citou quem seria o suspeito.

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *