Entidade pede apuração sobre caso de crianças manuseando armas no Cisp de Igaci

Cortesia

O Centro de Defesa da Criança e do Adolescente (Cedeca) informou nesta segunda-feira, 18, que irá provocar o Ministério Público Estadual (MPE) para que apure o que ocorreu durante uma visita técnica realizada por uma escola do município de Igaci ao Centro Integrado da Segurança Pública (Cisp) daquela cidade.

Alunos da escola estiveram no local para conhecer o trabalho dos policiais e, durante a visita, puderam manusear armas de fogo. O fato foi registrado em vídeo e fotos que circularam nas redes sociais durante o final de semana e está cercado de polêmica, com opiniões divergentes. A preocupação do Cedeca é que este tipo de situação de torne corriqueira e, desta forma, haja naturalização da violência.

Cortesia

O advogado da instituição, Claudio Luiz, disse em entrevista à TV Ponta Verde, que entende a importância de os alunos conhecerem como é feita a Segurança Pública, mas colocar as crianças em contato com as armas “não foi de bom tom” e fere o Estatuto da Criança do Adolescente (ECA). Como a entidade não teve contato com os envolvidos no caso, vai solicitar que o MPE apure em que circunstâncias ocorreu a visita.

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) informou que “as visitas de escolas e demais segmentos da sociedade civil aos prédios das forças policiais são comuns e fazem parte das estratégias de integração estabelecidas pela SSP. A pasta esclarece que irá buscar informações sobre as imagens divulgadas e que indicam procedimentos não autorizados”.

 

Veja Mais

4 Comentários

  • Povo que se engasga com um mosquito e engole um camelo says:

    CEDECA, vai procurar o que fazer! Que dizer que as crianças dominadas pelos traficantes podem atirar com fuzil e as crianças não podem pegar em uma arma desmuniciada em uma delegacia? Se fosse videos envolvendo traficantes vcs estavam todos com a lingua …morrendo de medo! ora bolas!!!

  • ROBERTO BRANDAO says:

    O QUE EXISTE EM ALAGOAS É FALSO MORALISMO E MUITA H I P O C R I S I A. NUM ESTADO ARCAICO E DE MENTALIDADE ATRASADA OCORREM ISTO. A POLICIA DEVERIA SE FECHAR E NÃO APRESENTAR MAIS NADA AOS ALAGOANOS. A POLICIA SÓ RECEBE PANCADA AO QUERER COLABORAR.

  • jose says:

    É muita hipocrisia meu Deus! Esse cedeca tem o que fazer não? As armas estavam sem munição, claro, foi apenas para mostrar os estudantes os tipos de armas usadas no combate ao crime e ai o tal cedeca acha que isso foi apologia ao uso de armas?
    Queria ver o tal cedeca, pedir para investigar as crianças que usam armas nos morros a mando dos traficantes e tentar as resgatar do mundo do crime! parabéns aos nossos policiais ao mostrar a realidade para essas crianças.

  • Laura says:

    As armas não estão com munição e as crianças estão acompanhadas de responsáveis legais, não tem problema nenhum nesse manuseio. Esse pedido de intervenção é apenas para aparecer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *