Subtenente é executado por quarteto próximo de casa

Um subtenente da Polícia Militar foi assassinado na noite dessa sexta-feira (6), no bairro Jardim Petrópolis, na parte alta de Maceió. A vítima foi identificada como Mozart Batista da Silva.

De acordo com a Polícia Militar, o subtenente foi executado quando estava conversando com quatro homens, que sacaram as armas e efetuaram diversos disparos de arma de fogo.

O 4º Batalhão de Polícia Militar (BPM) esteve no local, realizou rondas pela região, mas não encontrou nenhum dos suspeitos.

Os institutos Médico Legal (IML) e de Criminalística (IC) foram acionados para a realização dos procedimentos necessários.

Nota Oficial da PM/AL:

É com pesar que a Polícia Militar de Alagoas informa o falecimento subtenente Mozart Batista da Silva, de 50 anos, ocorridona noite dessa sexta-feira (06)no bairro Jardim Petrópolisem Maceió, vítima de disparos de arma de fogo. Atualmente o militar estava lotado na Academia de Polícia Militar Senador Arnon de Melo (APMSAM).

O Comando geral se solidariza com familiares e amigos neste momento de dor e assegura que as providências estão sendo tomadas para elucidação do caso.

Veja Mais

6 Comentários

  • Vitima says:

    Morto por faccionados só porque era militar,o Sub Mozart era um cidadão de bem,os traficantes com raiva dele o executaram no meio da rua o militar não merecia ser trucidado dessa maneira covarde,os faccionados agora querem fazer pior ou igual ao estado do Rio de Janeiro,o alvo deles agora é só matar Policias para limpar o caminho para entrada de drogas e amedrontar membros da briosa Policia Militar de Alagoas. com à palavra o Secretario de Segurança Pública Cel PM Lima Junior.

  • Comerciante says:

    Não acredito que o assassinato em via pública desse sub-tenente da PM vai ficar por isso mesmo,o trafico de drogas e à facção CV vem aprontando e crescendo na capital,agora matando policias,se o DR.Alfredo Gaspar fosse o secretario com certeza esses traficantes já estariam presos ou no IML,os faccionados estão se instalando em Maceió e trazendo armas do tipo Fuzil,Metralhadora,Pistola 9mm.Grande CVRL já comanda nossa capital.

  • Militar says:

    Os traficantes desconfiaram que o Mozart era Policial e o mataram sem piedade,essa facção de matadores profissional de sigla CV se criou e agora que acabar com à vida dos militares,Governador Renan Filho resolva o problema antes que mais companheiros seja executado na porta de casa ou mesmo no trabalho.

  • Moradora says:

    Que absurdo desses traficantes de drogas matar um pai de família só porque é um Policial.Se os bandidos matam policias quanto mais nos da comunidade que não podemos ser nem testemunha contra essas facções de bandidos perversos.

  • As Minas says:

    Os Manos as Minas ! sabe quem está mandando nos bairros de Maceió,nada mais nada menos que os traficantes da facção CVRL TD 2,os caras matam pode ser quem for eles não respeitam nem à Policia Militar e tão pouco à Policia Civil,botam mesmo para torar.

  • Olho Vivo says:

    Vamos comentar e pedir providencias quem matou o Sub-Tenente foi os traficantes da CVRL o disque denuncia 181 já sabe que os traficantes estão na Chã da Jaqueira e Chã de Bebedouro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *