Modo espera: em alta, Luxemburgo aguarda Vasco, mas entra na mira de outros clubes

Celso Pupo / Agência LancePress

A renovação de Vanderlei Luxemburgo para a próxima temporada entrou em processo decisivo. Com o planejamento de 2020 quase estagnado, o Vasco aguarda a decisão do treinador para avançar. No entanto, as dificuldades para cumprir os acordos financeiros podem fazer com que os vascaínos percam o comandante. Visado no mercado, Luxa dará dor de cabeça para concluir o novo vínculo.

Um dos poucos veteranos ainda em alta no futebol brasileiro, Luxemburgo está na mira de alguns grandes clubes. Na reta final do Campeonato Brasileiro, ele chegou a ser sondado pelo Internacional, mas não tiveram conversas concretas. O treinador não esconde que o Cruz-Maltino é a prioridade, mas está no mercado para analisar propostas.

– A nossa negociação de renovação de contrato está transcorrendo dentro da normalidade que tem que ser, do que se espera dela. O presidente quer que eu fique e eu desejo ficar. Mas existem outras questões que vão além disso, tem a questão do projeto para dois mil e vinte. A torcida do Vasco já demonstrou que quer do time mais do que permanecer na Primeira Divisão em dois mil e vinte – disse Luxemburgo após o último jogo do Brasileirão, contra a Chapecoense.
A permanência de Luxa também tem a ver com a montagem do time para 2020. Para que tenha condições de ter um elenco melhor, o técnico pediu garantias da diretoria de que terá os reforços para tornar o time competitivo.

Atualmente, o Vasco deve quase dois meses de salários aos jogadores, já que novembro só vencerá no próximo dia 20, e três a comissão técnica e funcionários que recebem mais de R$ 5,5 mil. Apesar de a CLT determinar que o pagamento deve ser até o quinto dia útil do mês, o clube tem um acordo para pagar só no final.

A expectativa do Vasco era usar a premiação pelo 12º lugar no Campeonato Brasileiro. Entretanto, o valor acabou penhorado por inadimplência no Profut desde fevereiro deste ano.

Fonte: Terra

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *