Investidor iniciante? Confira este artigo e entenda as dicas!

Seja no YouTube ou no Facebook, vários anúncios e publicações sobre investimentos já devem ter passado diante dos seus olhos, não é mesmo?  Entretanto, se não conseguirmos filtrar as informações, teremos mais dificuldades para compreender bem os passos mais básicos. São muitas as dicas sobre investimentos em ações na bolsa de valores ou no Forex, mas nem todas são para todas as pessoas.

Este artigo foi pensado para os investidores iniciantes, especialmente para os interessados em conhecer o maior mercado de câmbio do mundo. Apresentamos, portanto, um pequeno guia para abrir uma conta Forex no Brasil.

Assessoria

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O essencial sobre negociações no mercado Forex

O primeiro passo a ser dado por todo investidor que deseje lucrar no mercado de negociações Forex é investir em conhecimento. Isso não é feito apenas com visualizações eventuais de anúncios ou vídeos que aparecem “do nada” em nossas páginas. Atualmente, há uma rica fonte de livros e canais de vídeos no YouTube exclusivamente dedicados ao mundo dos investimentos. Portanto, estude, invista parte de seu tempo em leitura, em escutar o que os maiores investidores têm a dizer.

O próximo passo é buscar uma corretora. Para investir nossas finanças no mercado Forex, devemos ter uma conta em uma corretora que seja de fora do Brasil, já que não é possível participar do Forex por meio de uma corretora brasileira. Entre as várias opções de corretoras estrangeiras, a Alpari é uma das mais procuradas. Com apenas cinco dólares, você poderá abrir uma conta nela.

Assessoria

Simulações, estratégias de negociação e gerenciamento de risco

É possível, antes de participar de uma negociação de verdade, criar uma conta demonstrativa. Ou seja, você cria uma conta para se testar, para experimentar, para ter uma noção da dinâmica de negócios no mercado Forex.

Como em todo ambiente de negociações financeiras, o Forex requer que tenhamos ótimas estratégias. Essa dica está diretamente ligada à nossa primeira recomendação (investir em conhecimento). Nesse mercado, há duas que são bastante conhecidas por praticamente todos os traders (negociadores): a de negociação posicional e a de escalpelamento. Com a primeira, você participará de uma negociação mais longa, durante bem mais que um dia. Será muito importante, aqui, ter uma ideia bem refinada sobre os movimentos do mercado nos dias ou semanas seguintes. Será como uma longa partida de xadrez (jogo em que a palavra “posicional” está muito presente).

Com a segunda, você poderá fechar pequenas operações no mesmo dia, obtendo lucros que não serão expressivos, mas que ainda assim serão lucros. Aqui, será crucial estar atento a fatores externos que podem influenciar bastante o mercado financeiro, como determinadas decisões políticas.

Por último, você deverá ter uma ótima noção sobre como administrar seus riscos. Vale a pena lembrar, antes de finalizarmos este artigo, que os principais “ativos” do mercado Forex são os pares de moedas. Nessas operações, você compra um par (por exemplo, USD – EUR), e espera que uma dessas divisas se valorize em relação a outra. Isso envolve compra de uma e venda de outra. Como dissemos, o mercado financeiro está bastante ligado a acontecimentos externos, e você precisará levar isso em consideração durante as negociações. Caso as suas análises falhem, você poderá ter grandes perdas.

Fonte: Assessoria

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *