Ator se trata de câncer por sete anos e morre de outra doença

Tom Long com os filhos. Instagram

O ator Tom Long morreu cinco meses após tornar público estar curado do câncer contra o qual lutava desde 2012. Afastado da indústria do entretenimento desde o diagnóstico de sua doença, Long foi vítima de uma encefalite, aparentemente sem nenhuma relação com o mieloma múltiplo que tratou durante sete anos.

A morte de Tom Long foi noticiada pelo jornal britânico The Guardian. O ator deixa esposa e dois filhos adolescentes.

Ao longo dos últimos anos, Long utilizou a conta dele no Instagram para registrar seu processo de recuperação do câncer. Em julho de 2019, ele compartilhou uma foto na qual aparecia de braços abertos em frente hospital no qual fez grande parte de seu tratamento, celebrando a cura de sua doença.

Apesar de nascido nos Estados Unidos, Long fez grande parte de sua carreira na Austrália, país natal de seus pais. Um de seus trabalhos mais famosos foi no drama policial ‘Duas Mãos’ (1999), obra que revelou o ator Heath Ledger (1979-2008) e a atriz Rose Byrne.

A viúva de Long, Rebecca Fleming, divulgou um breve comunicado ao jornal australiano Sydney Morning Herald, explicando que o marido não morreu em decorrência do câncer e que ele estava em paz com seus familiares em seus últimos instantes de vida.

Amigo pessoal de Long e colega de elenco do ator em ‘The Dish’ (2000), o ator Sam Neill lamentou a morte do colega no Twitter: “Ele era o cara mais doce e um ator bom e divertido. Foi um grande prazer ter trabalhado com ele”.

Fonte: Monet

Veja Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *